Sábado, 19 de Setembro de 2020
(75) 99824-3702
Esporte Presidente

Presidente do Conselho do Jacuipense quer banimento do árbitro Joedson Oliveira

Presidente do Conselho do Jacuipense quer banimento do árbitro Joedson Oliveira

18/03/2019 20h59 Atualizada há 2 anos
34
Por: Redação
Presidente do Conselho do Jacuipense quer banimento do árbitro Joedson Oliveira
A equipe de arbitragem deixa o gramado escoltada pela Polícia Militar | Foto: Reprodução / Facebook

Após o presidente do Jacuipense, Gegê Magalhães, criticar a arbitragem do jogo contra o Atlético de Alagoinhas, o presidente do Conselho Deliberativo do clube de Riachão do Jacuípe, Felipe Sales, também reclamou dos erros de marcações na derrota da equipe no último domingo (17). O Leão do Sisal perdeu por 3 a 2, pela nona rodada do Campeonato Baiano, para o Carcará e acabou não conseguindo a classificação para a semifinal. Ele pediu o banimento do árbitro Joedson de Jesus Oliveira, que apitou a partida disputada no Carneirão.

"A gente vai pedir o banimento do Joedson, porque não foi a primeira vez que ele atuou de maneira que prejudicou o clube. Primeiro ele fez parte do quinteto, que eu não sei para que servem cinco árbitros num campo e não serve para dizer ao juiz que ele errou, do jogo contra o Vitória em que o juiz Reinaldo [Silva de Santana] marcou pênalti numa bola que foi fora da área e gerou prejuízo ao Jacuipense. Ele estava naquele jogo. Ele foi árbitro no jogo contra o Vitória da Conquista em que o segundo gol do Vitória Conquista foi originado de uma bola numa jogada que ele marcou falta a favor do Conquista em que não foi falta, na verdade, ele inverteu a falta. E ontem foi um absurdo a anulação do gol legítimo. [Tiveram] faltas que ele deixou de marcar, faltas que ele inverteu, impedimentos que ele marcou e não eram. Então, ele é muito ruim. Vou ter uma conversa direta com a comissão de arbitragem da Bahia, com o presidente da Federação Bahiana de Futebol e vamos pedir o banimento dele", disparou em entrevista ao Bahia Notícias.

Felipe Sales afirmou que deve entrar com uma representação contra o árbitro entre esta segunda (18) e terça (19) junto à Federação Bahiana de Futebol (FBF). Além do gol anulado, ele ainda apontou outro erro que considera como capital para o resultado do jogo.

"Nós vamos representar ele entre hoje e amanhã e juntando os lances importantes no jogo e ele teve a participação nesse gol que foi anulado. Teve também uma falta perigosa que era a favor da gente e ele não marcou. Foi em cima de Bernardo", finalizou.

Eliminado do Baianão, o Jacuipense terminou na sétima colocação com 10 pontos na tabela final de classificação da primeira fase. O time agora vai focar na preparação para a disputa da Série D do Brasileiro, marcada para começar entre os dias 4 e 5 de maio. O Leão do Sisal está no Grupo A7 e vai estrear contra o ASA, como mandante. Campinense e Vitória de Pernambuco são os outros dois integrantes da chave e enfrentarão a equipe baiana na primeira fase da competição.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Alagoinhas - BA
Atualizado às 11h57 - Fonte: Climatempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 16° Máx. 29°

28° Sensação
19.8 km/h Vento
46.8% Umidade do ar
90% (4mm) Chance de chuva
Amanhã (20/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 29°

Sol e Chuva
Segunda (21/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 28°

Sol e Chuva
Ele1 - Criar site de notícias