Dois ex-prefeitos do município de Pojuca, Gerusa Dias Laudano e Antonio Jorge de Aragão Nunes, foram responsabilizados por diversas irregularidades na execução do convênio firmado com a Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), tendo como objeto a cooperação técnico-financeira visando a recuperação de ruas no bairro Pojuca II.

Enquanto a ex-gestora terá que ressarcir aos cofres públicos a quantia de R$ 128.210,20, o ex-prefeito ficará obrigado a devolver R$ 166.666,66, sendo que este último ainda foi punido com aplicação de multa no valor de R$ 4 mil.

Os conselheiros da Primeira Câmara também decidiram, à unanimidade, pela desaprovação de contas do convênio firmado pela Secretaria de Política das Mulheres (SPM) com a Associação dos M.M. Produtores Rurais Jundiá, com imputação de débito ao responsável, João Barreto dos Santos, de R$ 5.600,00 (valor total do convênio).

Também foi aprovada a aplicação de duas multas, uma a João Barreto Santos, no valor de R$ 700, e outra à ex-titular da SPM, Vera Lúcia da Cruz Barbosa, de R$ 500,00. 

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui