BOLSO-NAZISMO CULTURAL!?
Diante do mal estar causado pela apologia ao nazismo promovida pelo, agora, Ex-Secretário nacional da cultura do Governo Bolsonaro, Roberto Alvim, fica nítido que o desgoverno não acredita na liberdade da cultura em relação às “amarras do estado”, ou de qualquer que seja a ideologia. A cultura não deve empenhar lados ideológicos, deve promover reflexões e provações sociais, dar voz a artistas que por séculos foram calados, retratar a imagem do nosso povo em toda sua amplitude. A cultura não deve censurar isso ou aquilo, na arte o permissível é permitido, assiste quem quer, consome quem quer. Quem não quiser avançar, ser provocado, sair do senso comum e da “mesmice”. É permitido o direito de não ver, mas, jamais de ver com apenas o olho de uma classe social, fé, cor ou credo. Tchau Querido!

ESPLANADA E A DESVALORIZAÇÃO A DONA ZEZÉ
Quem nasceu na cidade de Esplanada tem por obrigatoriedade conhecer a matriarca do Timbó. Dona Zezé faleceu o ano passado e a cidade não parou em luto para reverenciar nosso patrimônio histórico. Dona Zezé não levou consigo as riquezas dos grandes eventos culturais que fazia: ela fez. Mesmo que, esquecida e abandonada pelos gestores da cidade, foi mais uma mulher jogada no mar do esquecimento da coisa pública. Dona Zezé devia ter estátua, devia ter um Centro de Cultura com seu nome, devia ter museu, escola, devia ser lembrada fervorosamente, não somente nas paredes de um prédio (que não existe), mas na manutenção das tradições que trouxe para nossa cidade.

LEGADO LIANA PARA O SAN MARINO
Esplanada não valoriza quem constrói mudanças efetivas para nosso povo. Digo isso, por que mais uma vez escreverei sobre as mulheres incríveis da minha terra mãe. Professora Liana uma das mulheres à frente de toda a inovação e a autenticidade promovida por anos no ‘para sempre’ estadual e hoje eunuco Colégio San Marino. Forte, destemida e por muitos incompreendida – certamente por ser mulher e não ter o julgo “doce lady” que tanto incorporam nas mulheres. Manteve o San Marino em suas costas, sempre movimentando, promovendo avanço na educação de todos que ali passaram. O San Marino foi a maior prova que o poder do povo é o único que pode mudar a realidade da nossa cidade: foram os pais junto aos professores e alunos que garantiram a ampliação do Colégio. Que garantiram o financiamento para as incríveis feiras que ali acontecia. E no fim, a agora Escola perdeu sua memória, sequer fala de Liana ou sobre o Jornal Folha Teen (movimento estudantil), que a Professora fez questão de valorizar e apoiar. Sequer revive a revolução que ali era promovida. A cidade perdura o desejo de desvalorizar os fortes, os filhos que realmente agem para o progresso e revive diariamente o complexo de vira lata de Nelson Rodrigues.

CORTA JACA
Em rodas de conversa, da política em Esplanada tenho ouvido muito sobre Nandinho. Mas, uma pulga corre nas orelhas! Há um “arrodeio” no seu caminho de gente que carrega uma “antipatia” por parte da população. Por ora, foi dada a largada, é preciso ter cuidado, se o objetivo for alcançar a política para todos. É preciso ouvir a população e construir um Plano de Governo bem amarrado, que contemple a maioria da cidade. Entender sobre qual julgo Esplanada vive agora e onde se pretende chegar. Observar bem que os vistos como “antipáticos” nada construíram nos longos anos de “serviço” a população. Estou certo e em contato diário com pessoas sérias, que pretendem realmente compor o projeto Nandinho, mas é chegado o momento de ser líder: não se faz omelete sem quebrar os ovos.

PROFUNDIDADE
Corre nos bastidores da política na cidade de Cardeal da Silva, que o pré-candidato a Prefeitura, Branco, precisa ser “mais profundo” para entender que uma entrada viável para ele é convidar Missinha para ser sua vice. Missinha representa uma parte da população que acredita que o caminho da promoção das políticas públicas é o único caminho para fazer a cidade avançar e posso assegurar, conheço várias pessoas próximas. Sei da seriedade dessas pessoas, além disso, Missinha já foi vereadora, tem uma visão mais social da população e entende que, é preciso separar quem vai está efetivamente construindo caminhos para sair vitorioso nessa eleição e quem puxa o saco. Juntos formam o que a cidade precisa para avançar.

JUVENTUDE DE CARDEAL
O pré-candidato Chino da Juventude pretende concorrer ao cargo de Vereador da sua cidade mãe, Cardeal da Silva. A cidade tem a possibilidade de avançar renovando toda a Câmara Municipal e dando a oportunidade a jovens como Chino para ampliar a visão de política pública e fiscalizar o governo municipal. Afinal, um vereador é capaz de construir junto à população uma cidade mais crítica se quiser. Técnico em Enfermagem e Meio Ambiente, une habilidades capazes de ampliar o olhar da população. Só é preciso oportunidade!

TÁ RUI-M COSTA!
Quem estuda em uma Universidade Estadual na Bahia tem muito a questionar da falta de Estrutura Física, que tem sido levada a “deus dará” pelo governo Rui Costa. Nos bastidores se ascende a possibilidade de diminuir o tamanho das Estaduais, mas é claro que, oficialmente isso é negado. Sem rampa de acesso para cadeirantes, sem pintura e estrutura adequada, com uma portaria “banda voou” e com uma estrutura questionável das residências estudantis. Esse modus operandi de gestão “desleixo” tem sido uma queixa diária dos estudantes. Vale Reavaliar a postura governador!

E LÁ VEM ELA!
Nos bastidores da política em Esplanada, o nome de Andrea já movimenta a cena. Mas, ainda há muita gente querendo conhecer mais o estilo político dela e questionando sobre seu trabalho e contribuição para a cidade. Conversando com sua equipe, sugeri seu nome como vereadora para entregar essa visão política e garantir a Esplanada a possibilidade de um olhar mais apurado sobre suas atuações. A política que ela acredita, não vai ser construída de um dia para o outro, é passo a passo! Ser vice, talvez, mas no geral os vices em Esplanada são inexpressivos. Ser agente do povo na câmara é um passo bem assertivo para construir uma consciência nova na população.

Mannoel Rosa é jornalista, especialista em Comunicação Política e Empresarial. Já atuou em diversos jornais impressos no país, TVs e Assessoria Política. Atualmente atua com comunicação institucional e marketing. Insta: @mannoelrosajornalista

Deixe uma resposta