Após participar, no final do ano passado, dos lançamentos de duas novas linhas de alta produção para envase de garrafas e latas da unidade de Alagoinhas do Grupo Petrópolis, na manhã desta quarta-feira(26), o prefeito Joaquim Neto prestigiou a inauguração da nova linha de refrigerantes na unidade, o It!.

O empreendimento faz parte do projeto de expansão das fábricas no Nordeste (a segunda fica em Itapissuma/PE), que receberam quatro novas linhas de produção cada (duas de cervejas e duas de não-alcóolicos).

A fábrica de Alagoinhas recebeu, nos últimos seis anos, investimentos totais de cerca de R$ 1,22 bilhão, dos quais, R$ 400 milhões apenas nesta ampliação. A escolha desta unidade entre as que receberam investimentos teve como motivação a grande aceitação das marcas do Grupo Petrópolis na região e com as ampliações, a empresa reforça sua presença na Bahia e em todo Nordeste, promovendo uma expansão significativa na produção e na geração de emprego e renda. A quarta linha a ser inaugurada, ainda nos próximos meses, será a de demais produtos não-alcóolicos.

Hoje, o Grupo Petrópolis, em suas sete fábricas e 200 unidades de distribuição, conta com mais de 26 mil colaboradores diretos e 100 mil indiretos em todo o Brasil. Deste total, mais de nove mil são colaboradores diretos no Nordeste, sendo mais de quatro mil na Bahia. A fábrica de Alagoinhas responde por aproximadamente 800 desses empregos diretos e mais de 3 mil indiretos.

Foto: Kekeu
Foto: Kekeu

A solenidade reuniu secretários, membros do setor empresarial, políticos da cidade, prefeitos de outros municípios, diretores do grupo, e contou com as presenças do presidente do Grupo, Walter Faria e do vice-governador do estado, João Leão, representando o governador Rui Costa.

João Leão não escondeu o contentamento ao ver uma unidade da segunda empresa de cerveja mais valiosa do Brasil ter sido erguido na cidade. Para o vice -governador, a presença do Grupo Petrópolis é uma consagração do empreendedorismo baiano e que coaduna com o projeto do governo estadual de interiorização dos investimentos. “Feira de Santana tinha 4,6% da receita do estado, agora tem 4,99 e Alagoinhas, a capital do Litoral Norte, que detinha 2,01% já está batendo a de Feira, e logo superará a marca”, ressaltou o vice-governador.

O presidente Walter Faria falou da importância, para ele, da instalação da empresa no município. “É fazer parte de um projeto para a economia real, importante para o estado da Bahia e toda a região do município de Alagoinhas. Assim como nas outras cidades, fizemos um alto investimento numa unidade de produção ultramoderna, com o que tem de melhor no mundo e com a linha de refrigerantes, são três novas linhas em produção para atender à alta demanda pelos produtos do grupo na região. Quero agradecer às autoridades estaduais e municipais por toda o apoio na concretização do sucesso que é este empreendimento”, ressaltou Faria.

A nova linha de refrigerantes na unidade de Alagoinhas tem capacidade de 20 mil garrafas/hora, e com todas as linhas em atividade, o estado vai duplicar sua capacidade produtiva.

“Para nós, que administramos o município, é um privilégio e uma alegria muito grande termos uma empresa desta envergadura no nosso município, o que evidencia o nosso potencial tanto para o crescimento  do polo de bebidas e  quanto para a atração de investimentos em quaisquer outros setores. Seguiremos trabalhando para que a nossa economia ganhe cada vez mais dinamismo, trazendo mais oportunidades de trabalho para a população ”, afirmou o prefeito Joaquim Neto.

Sobre o Grupo

O Grupo Petrópolis é a única grande empresa do setor com capital 100% nacional. Produz as marcas de cerveja Itaipava, Crystal, Lokal, Black Princess, Petra e Weltenburger, as vodkas Blue Spirit Ice e Nordka, os energéticos TNT Energy Drink e Magneto, o refrigerante It!, o isotônico Ironage, e a água Petra. Com sete fábricas em operação, o Grupo é responsável pela geração de aproximadamente 26 mil empregos diretos. Por meio do projeto AMA, promove plantio e manutenção de milhares de árvores, além de ações de sustentabilidade e programa de educação ambiental para escolas municipais. Conta também com o Saber Beber, programa que  desenvolve atividades de conscientização sobre o consumo consciente de álcool por todo o país.

Foto: Kekeu
Publicidade 3

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui