Após reunião com a secretária municipal de saúde, Rosania Rabelo, e deliberação em assembleia, o sindicato de profissionais médicos (SINDIMED) decidiu pelo fim da paralisação da categoria.

Na manhã desta sexta-feira (12), o prefeito Joaquim Neto havia enfatizado a necessidade e os esforços da Administração Municipal para trazer uma solução definitiva que não incorresse em prejuízos para o atendimento à população.

A resposta veio com celeridade: em menos de 24h após a deflagração da paralisação, a Secretaria Municipal de Saúde iniciou as tratativas com a classe e chegou a um acordo consensual com o sindicato. Com o fim da greve, os serviços e atendimentos prestados à população foram restabelecidos e funcionam regularmente no município.

Publicidade 3

1 COMENTÁRIO

  1. Boa noite. Gostariase possível informar-me se o oosto Maisa Tekes da Rua do CATU, estará também com médicos para atendimentos.

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui