A fábrica Ortobom não possui o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), que poderia ter reduzido os danos do sinistro ocorrido, na terça-feira, 19, no bairro de Valéria, em Salvador, que consumiu 60% de toda estrutura. A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA).

O documento certifica a segurança de estabelecimentos, determinando uso de orientações de abandono em caso de pânico, fácil acesso à edificação para os bombeiros e para o uso equipamentos para combate a incêndio.

“É preciso que as instalações estejam de acordo com as normas dos bombeiros, para garantir uma ação mais ágil”, disse o major  Ramon Diego Diniz.

Nesta quarta, 20, foi realizado o rescaldo para eliminação de possíveis focos de incêndio. Ainda segundo o CBMBA, os militares vão permanecer no local para monitorar a área e impossibilitar nova reignição.

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui