Via Blog Nadja

No dispenser de senhas, a mensagem sobre o tempo de espera é de 20 minutos em dias normais e de 30 minutos antes e depois de feriados prolongados. Duvido que isso tenha acontecido alguma dia, mas voltarei para verificar. Ontem (06), quarta-feira de cinzas, com certeza não foi o que aconteceu.

Normalmente não vou a agências bancárias, uso a tecnologia que nos permite fazer quase tudo pelo internet banking ou aplicativo. Entretanto, ontem, eu e meu filho fomos fazer um depósito no caixa eletrônico.  Não conseguimos, os caixas estavam indisponíveis para depósito. Nos dirigimos à parte interna da agência e retiramos uma senha, ele para o caixa exclusive, eu, a prioritária. Ao perceber que há muito haviam se passado os tais 30 minutos de tolerância, comecei a falar com as pessoas e a verificar a hora de chegada marcada em suas senhas, quando encontrei um, às 16h15, com uma senha emitida às 12h36. São 259 minutos de espera. E não sei quanto tempo mais ele teve que esperar, porque sai antes do seu atendimento.

Pedi informações e o gerente geral da agência, antes de falar comigo, se dirigiu aos clientes pedindo desculpas pela demora, atribuindo a instabilidade no sistema bancário. Depois, muito educadamente, me explicou que:

  1. Os caixas eletrônicos não estavam aceitando depósitos porque estavam cheios. Perguntado porque não foram esvaziados, respondeu que “tem hora programada para fazê-lo”, ou seja quem não pode ter hora marcada para nada é o cliente.
  2. Os caixas internos estavam perdendo muito tempo para autenticar boletos porque o  sistema, sobrecarregado, estava travando. Os empresários locais, que guardaram os boletos para quitar no caixa das agências, ainda não se deram conta dos recursos tecnológicos para que não percam tempo, nem obriguem outros a perder, fazendo suas operações bancárias via aplicativos ou internet banking.
  3. Após 117 minutos, conseguimos sair da agência para retirar o carro da zona azul, que já nos havia avisado do término do período pelo aplicativo. Também para isso é muito bom usar a tecnologia.

Uma dica para o CDL: promover workshops com o empresariado local sobre as vantagens da tecnologia.

1 COMENTÁRIO

  1. Mas isso não é um acontecimento apenas do Bradesco . No Banco do Brasil de Alagoinhas também é um tremendo desrespeito pois se vc vai usar os serviços dos caixas eletrônicos o ar não funciona e os funcuonafunc orientam quando reclamamos a fazermos denúncias. Se vamos ao atendimento do primeiro andar e pior ,pois nesta terça- feira dia 19/03/2019 peguei uma senha as 10:15hs para um atendimento de troca de senha de uma poupança pois era 12:00 há quando eu saí muito chateado sem atendimento após perceber e reclame dia atendimento de conveniências sem senhas e com desculpas esfarrapadas além do desrespeito de ninguém nos dar ouvidos . Desrespeito total.

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui