Publicidade 2

A Superintendência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/FSA) divulgou a lista de materiais que não podem ser solicitados pelas escolas para os alunos. Este ano, o número de itens proibidos caiu de 69 para 38.

Entre os itens proibidos estão álcool hidrogenado, algodão, bolas de sopro, carimbo, canetas para lousa, talheres descartáveis e esponja para pratos. Confira a lista completa de materiais proibidos pelo Procon.

As aulas em Feira de Santana, cidade que fica a 100 quilômetros de Salvador, estão previstas para começar no início de fevereiro. Apesar disso, o movimento nas livrarias e papelarias na cidade já tem aumentado. A lista foi passada pela maioria das escolas no final do mês de dezembro.

O movimento deve aumentar ainda mais a partir do dia 20 de janeiro. Alguns itens, segundo proprietários de papelarias, sofreram reajustes entre 7% e 8%.

Deixe uma resposta