Publicidade 2

A geração de empregos na Bahia se manteve estável em outubro, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho. Foram 625 novos postos formais de trabalho em relação ao mês de setembro.

O número representa uma desaceleração do crescimento do emprego na Bahia, que chegou a registrar a abertura de 8,5 mil postos no mês de setembro. No acumulado do ano, 38,1 mil empregos foram criados.

Os resultados negativos de outubro foram dos setores de agropecuária, que perdeu cerca de mil postos de trabalho, e de administração pública, que teve 356 empregos a menos.

Já os melhores resultados ficaram por conta do setor de comércio, que abriu pouco mais de mil vagas, e do segmento de serviços, com 754 novos postos. Os demais setores tiveram pouca variação.

No âmbito nacional, os setores de comércio, serviços e indústria de transformação foram os principais responsáveis pelo saldo positivo de 57,7 mil empregos.

Deixe uma resposta