Publicidade 2
Foto: Ed Santos | Acorda Cidade

Um mandado de busca e apreensão e outro de prisão foram cumpridos pela Polícia Federal (PF) na manhã desta quinta-feira, 22, no município de Feira de Santana (a 109 quilômetros de Salvador).

O primeiro caso faz parte da operação nacional Atalaia, de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes por meio da internet, que teve como alvo um morador do bairro Chácara São Cosme.

Na casa do suspeito, foram apreendidos um computador e um celular, que vão passar por perícia. O suspeito prestou depoimento e vai aguardar o resultado da investigação em liberdade.

Em todo o país, a PF cumpriu 60 mandados de busca e apreensão, que vão auxiliar a apuração de casos relacionados ao armazenamento e divulgação internacional de imagens e vídeos de pornografia infantil.

As penas desse tipo de crime podem chegar a 6 anos de reclusão e multa. Além disso, a polícia investiga crimes relativos à prática de violência sexual contra crianças e à produção do material pornográfico ilícito, cujas penas podem chegar a 15 anos de reclusão.

Princesa do Sertão

Já o mandado de prisão cumprido em Feira de Santana faz parte da Operação Princesa do Sertão, deflagrada em 2008 para desarticular um esquema de tráfico internacional de pessoas, e que no mesmo ano resultou na prisão de três pessoas em Feira e duas em Salvador.

Nesta quinta, foi cumprido o mandado de prisão de uma suspeita de integrar a rede de tráfico de pessoas, após a sentença final emitida pela Justiça. “Ela foi para Ibiza, na Espanha, e cooptou outras pessoas, que também foram pra lá trabalhar na área de prostituição. De acordo com a sentença, três ou quatro pessoas foram cooptadas por ela”, revelou o delegado Val Goulart ao site Acorda Cidade.

Deixe uma resposta