Publicidade 2

A sétima edição da “Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano” está chegando a Alagoinhas, e com ações também em outros 20 municípios do território. A abertura oficial do evento será dia 26, às 19h, com a inauguração das exposições Caldo do Sisal (por Toni Carvalho), Cobra Verde (por Adriano Machado), Jorgepô: 40 Anos de Arte (por Jorgepô) e Luiz Ramos Convida (por Luiz Ramos), no foyer do Centro de Cultura de Alagoinhas, sede oficial do evento. Às 19h30, o público também confere gratuitamente a apresentação da Orquestra Santo Antônio. A semana continua com diversas ações até 02 de dezembro.

“Sabe-se que a cultura é dinâmica e que esse dinamismo provoca grandes revoluções. É com o intuito de catalisar essas revoluções que objetivamos compilar uma mostra de trabalhos para conhecer e explorar nosso território”, declara Tárcio Mota, coordenador do Centro de Cultura de Alagoinhas, sobre a sétima edição. O centro é um dos 17 equipamentos culturais administrados pela Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA).

A Diretora de Espaços Culturais da SecultBA, Maria Marighella, avalia que “todos os nossos Espaços Culturais são espaços de invenção e imaginação nos territórios em que estão inseridos, e têm compromisso com as trocas de saberes, respeito às diferenças, além de serem responsáveis com o desenvolvimento daquele ambiente”, enfatiza.

A principal novidade da Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano neste ano são as ações descentralizadas, a exemplo das oficinas nos Pontos de Cultura de Pedrão e Esplanada, e as atividades que ocorrerão em escolas, associações de bairros, terreiros, dentre outros espaços que dialogam com a proposta da Semana de Arte. Há ainda dois grandes destaques em 2018 que são a Virada Cultural, no dia 1 de dezembro, que abrigará dezenas de artistas do território em mais oito horas de ação, e o Festival da Cultura Popular, no domingo (02), marcando o encerramento do projeto.

Neste ano, o tema da programação é Cultura Popular: o Ser, o Saber e o Fazer do Povo, diz respeito às tradições culturais populares do agreste e litoral norte da Bahia. “Estamos tratando de um tema que se relaciona bastante com a realidade cultural do nosso território de identidade”, explica Mota, que acredita que não há como imaginar o Centro de Cultura de Alagoinhas apenas como um espaço cultural pertencente apenas à cidade de Alagoinhas. Isso inclui o imaginário e hábitos da cultura regional e urbana, que “são formas de manifestação intrinsecamente relacionadas ao anônimo, ao coletivo, ao espontâneo, à tradição e à oralidade do nosso povo”, pontua o coordenador.

A Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano é um dos projetos estratégicos coordenados pelo Centro de Cultura de Alagoinhas. A primeira edição do projeto, Semana de Arte de Alagoinhas e Região, aconteceu em maio de 2010. Naquele ano houve uma programação centrada em atrações apresentadas por grupos de Alagoinhas, Pojuca e Salvador.

Em 2011, a proposta se consolidou, abrangendo um número maior de municípios do território, bem como manifestações e linguagens artístico-culturais distintas. Com isso, o evento passou a ser denominado como Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte e Agreste Baiano. O evento tem se apresentado como um grande reduto potencializador da criação de referencial para artistas do Território, tanto no que tange mostra de trabalho como formação e amadurecimento artístico.

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais em diversos territórios de identidade baianos, geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), setor vinculado à Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult). Destes, cinco encontram-se em Salvador – Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro Cultural Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista. Para mais informações, acesse: www.espacosculturais.wordpress.com.

Confira a programação completa:

26/11 (SEGUNDA-FEIRA)

Abertura Oficial da VII Semana de Arte e Cultura do Litoral Norte Agreste Baiano

Horário: 19h

Local: Foyer (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Abertura das Exposições

Caldo do Sisal – Toni Carvalho

Cobra Verde – Adriano Machado

Jorgepô: 40 anos de Arte – Jorgepô

Luiz Ramos Convida – Luiz Ramos

Horário: 19h15

Local: Foyer (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Apresentação da Orquestra Santo Antônio

Orquestra Santo Antônio (Conceição do Coité)

Horário 19h30

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

27/11 (TERÇA-FEIRA)

Culminância dos Projetos Artístico-Culturais da Secretaria de Educação do Estado Realização: Núcleo Territorial de Educação 18

Horário: 8h

Local: Sala Principal e Anfiteatro

Fórum de Cultura Territorial do Litoral Norte e Agreste Baiano

Participação: Colegiado de Desenvolvimento Territorial do Litoral Norte e Agreste Baiano, Fórum de Legisladores Culturais da Bahia, Fórum de Cultura da Bahia, Diretoria de Territorialização da Cultura (SecultBa), Pontos de Cultura, Escolas Culturais, Fórum dos Espaços Culturais da Bahia, Grupos, Coletivos, Artistas e Agentes Culturais do LNAB

Horário: 8h

Local: Sala Auristela Sá

Roda de Conversa “Alagoinhas no Centro do Mundo”

Realização: FESTA – Festival de Teatro de Alagoinhas

Mediação: Nando Zâmbia

Convidados: Fernanda Onisajé, Luiz Antonio Jr., Anderson Danttas, Daniel Arcades, Marcelo Oliveira, Galdy Galdino, Hiran, Antônio Torres e Jean Willys

Horário: 14h

Local: Sala Auristela Sá

Mostra dos Grupos Residentes do Centro de Cultura de Alagoinhas

Grupos: Cia de Artes FAMA / Cia de Dança Eloy Rodrigues / Grupo Life Of Dance / Grupo Liberais / Grupo Mescla / Grupo Ellite’s Dance / Grupo Anker Bronx Crew

Horário: 19h30

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

28/11 (QUARTA-FEIRA)

Vidas Negras Importam: a representação do homem e da mulher negra na televisão, no cinema, no teatro e na literatura

Realização: Projeto Escolas Culturais

Participação: Coletivo Cultural Quilombo Andante, Banda Mentes Positivas e Coletivo cultural de Entre Rios

Horário: 9h às 17h

Local: Escola Estadual Duque de Caxias (Entre Rios)

Apresentação Musical

Coral da Universidade Aberta da Terceira Idade (UATI) – UNEB

Horário: 9h

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Mesa-Redonda: “Política Cultural no Brasil: retrocessos e resistência”

Convidados: Prof. Dr. Osmar Moreira (UNEB/Pós-Critica), Juscelina Nascimento (Diretoria de Cidadania Cultural – SecultBA), Tárcio Mota (Coordenador do CCA), Prof. Dr. Roberto Seidel (UNEB/Pós-Critica), Iraildes Gama (Ponto de Cultura ABRUPE – Pedrão) e Ana Rita Araujo (Ponto de Cultura Ilê Asé Oyání – Alagoinhas)

Horário: 9h30

Local: Auristela Sá

Concerto da Orquestra Sinfônica da Bahia

Horário: 19h

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

29/11 (QUINTA-FEIRA)

Mesa-Redonda: “O que pode a Cultura Popular?”

Convidados: Profa. Dra. Edil Silva Costa (UNEB/Pós-Critica), Mc Osmar (Coletivo Petrolatividade), Prof. Me. Pinho Blures  (Movimento Hip Hop) e Ana Andreza Sampaio (Samba de Roda do Buri)

Horário: 9h

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Mesa-Redonda: “O que podem as mulheres da cultura popular? Luta, cantoria e re-existência!”

Convidados: Profa. Dra. Jailma dos Santos Pedreira Moreira (UNEB/Pós-Critica), Sandra Freitas de Carvalho Cruz (Mestranda em Crítica Cultural) e l José Luiz da Silva Lima (Mestrando em Crítica Cultura)

Horário: 14h

Local: Sala Maria Feijó (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Espetáculo África em Nós

Coletivo Pé de Poeta do Teatro do Oprimido (Lauro de Freitas)

Horário: 19h30

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

30/11 (SEXTA-FEIRA)

Mesa Redonda: LINGUAGENS LITERÁRIAS E FORMAÇÃO DOCENTE PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS

Convidados: Prof. Dra Lícia Barbosa (UNEB/Pós-Crítica), Prof Dr. Silvio Roberto Oliveira (UNEB) e Prof. Dra Maria Anória J. Oliveira (UNEB/Pós-Crítica).

Horário 10h

Local: Sala Auristela Sá (Centro de Cultura de Alagoinhas) 

Mostra de Teatro, Música e Dança

Realização: Projeto Escolas Culturais (Colégio Estadual ADS – Catu) e Diretoria de Cultura da Prefeitura Municipal de Catu

Horário: 9h

Local: Sala Principal  (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Espetáculo Ziriguidum – Escola de Dança da UFBA

Horário: 14h

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Roda de diálogo: Mestres/as e mestrandos/as da Linha 2: Pós-Crítica/UNEB

Convidados: Grupo de Estudos em Resiliência, Educação e Linguagens – GEREL e Grupo de Pesquisa Iraci Gama: Letramento, Identidades e Formação do Professor

Horário: 16h

Local: Sala Auristela Sá  (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Lançamento do Livro: Entre as Leis e as Letras: Escrevivencias identitárias de Luiz Gama

Autor: Jair Cardoso dos Santos

Horário: 17h

Local: Sala Auristela Sá  (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Sarau da Resistência

Realização: Projeto Escolas Culturais

Horário: 16h

Local: Colégio Estadual de Alagoinhas – CEA

Sarau do Boi Encantado

Realização: Poeta João Lopes

Horário: 19h

Local: Casa do Boi Encantado (Centro de Cultura de Alagoinhas)

01/12 (SÁBADO)

Espetáculo “Tamanho Único”

Balé do TCA

Horário: 20h

Local: Sala Principal (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Virada Cultural

Realização: Centro de Cultura de Alagoinhas

Horário: 21h30

Local: Anfiteatro “Os Turunas” (Centro de Cultura de Alagoinhas)

02/12 (DOMINGO)

Festival de Cultura Popular

Coletivos, Grupos e Associações Participantes: Fundação do Caminho (Alagoinhas), Banda Marcial Cultural Estudantil de Aramari (Aramari), Associação de Desenvolvimento Comunitário do Assentamento Boa Vista II (Esplanada), Associação Beneficente Rural de Pedrão (Pedrão), Associação Beneficente Cultural Ilê Asé Oyání do Ilê Axé Oyá Ni (Alagoinhas), Associação Cultural Euterpe Alagoinhense (Alagoinhas), Samba Cultural do Estevão, Grupo de Samba de Roda do Outeiro, Estrela do Samba de Catuzinho, Grupo Samba do Buri, Grupo União Paz e Bem de Sítio do Meio, Banda Marcial Tradicional de Alagoinhas, Capoeira AAfrica, Capoeira Expansionismo, Capoeira Lutamos por Liberdade, Encourados de Pedrão e Orquestra Os Turunas

Horário: 9h

Local: Anfiteatro “Os Turunas” (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Atividades Contínuas

01 de Dezembro

Escambo de Livros

Realização: Clube do Livro de Alagoinhas

Horário: 9h às 17h

Local: Foyer (Centro de Cultura de Alagoinhas)

26 de Novembro a 02 de Dezembro

Feira da Economia Solidária

Realização: Câmara de Artesanato do CMPCA e CODETER/LNAB

Horário: 10h às 21h

Local: Área Externa (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Atividades Formativas

30 de Novembro

Pintando Sentimentos – A Luz em Cena

Oficina de Luz para atuantes, diretores, técnicos de luz, iluminadores e fotógrafos.

Oficineiro: Nando Zâmbia (Núcleo Afrobrasileiro de Teatro de Alagoinhas – NATA)

Horário: 9h

Local: Sala Antonio Mário (Centro der Cultura de Alagoinhas)

27 de Novembro

Oficina de Contação de História

Mediadora: Prof. Dra. Áurea Pereira (Pós Crítica/UNEB)

Horário 8h

Local: Escola Oscar Cordeiro

28 de Novembroo

Oficina de Contação de História

Mediadora: Prof. Dra. Áurea Pereira (Pós Crítica/UNEB)

Horário 8h

Local: Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães

27 e 28 de Novembro

Oficinas da Cultura Hip Hop: Música, Dança e Grafite

Oficineiros: Mc Osmar, Edson Vieira e Lucas Sales

Horário: 14h

Locais: Sala Auristela Sá, Sala Maria Feijó e Sala Antônio Mário (Centro de Cultura de Alagoinhas)

27 de Novembro

Oficina “Mandalas Literárias”

Oficineira: Cristiane Mendes

Horário: 14h

Local: Ponto de Cultura Associação de Desenvolvimento Comunitário do Assentamento Boa Vista III (Esplanada)

01 de Dezembro

Oficina “Mandalas Literárias”

Oficineira: Cristiane Mendes

Local: Ponto de Cultura ABRUPE Cultural (Pedrão)

Horário: 14h

27, 28 e 29 de Novembro

Formação nas Técnicas do Teatro do/da Oprimido/da

Oficineiro: Armindo R. Pinto (GTO Bahia)

Horário: 14h

Local: Sala Antônio Mário (Centro de Cultura de Alagoinhas)

29 de Novembro

Oficinas de Dança, Teatro e LIBRAS

Oficineiras: Ruth Souza e Carolina Souza

Horário: 9h às 17h

Local: Ponto de Cultura Associação de Desenvolvimento Comunitário do Assentamento Boa Vista III (Esplanada)

30 de Novembro

Oficinas de Dança – Escola de Dança da UFBA

Oficineiros: Estudantes da Escola de Dança (UFBA)

Local: Salas Maria Feijó, Antonio Mário e Auristela Sá (Centro de Cultura de Alagoinhas)

Horário: 10h

30 de Novembro 

Oficina de Dança do Ventre

Projeto: Dança como saber/lazer, viver…

Convidada: Joana Carolina M. Mello (Discente de Educação Física/UNEB)

Horário: 18h

Local: Sala Auristela Sá

Deixe uma resposta