(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Sérgio Moro não é mais juiz federal. Sua exoneração foi publicada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira (19).

O jurista aceitou o convite para ser ministro da Justiça e da Segurança Pública no futuro governo Jair Bolsonaro.

Com a saída do cargo, Moro vai integrar a equipe de transição, onde deverá receber um salário de R$ 16 mil até dezembro. Em outubro, o ex-magistrado teve um contracheque com valor bruto de R$ 43 mil, conforme publicação do site Uol.

Publicidade 3

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui