SAAE é contemplado com programa federal Avançar Cidades

Publicidade 2


As obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC I e II) e Saneamento para todos, que elevarão a capacidade de atendimento sanitário de Alagoinhas de 14% para 35%, chegam à fase final.

Embora o salto percentual seja histórico, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) Alagoinhas já pensa além. A continuidade das intervenções de infraestrutura que visam melhorar a saúde e o bem-estar da população já está elaborada e assegurada, agora com a obtenção de R$12.889.008,88 em verbas federais, através do programa federal Avançar Cidades.

O projeto, aprovado pelo Ministério das Cidades, contempla a ampliação do sistema de esgotamento sanitário que atenderá Nova República e parte de Santa Terezinha, com quatro estações elevatórias, cerca de 29.485 metros de rede coletora, 1.980 ligações intradomiciliares e 10.308 metros de interceptor para Estação de Tratamento da Bacia da Fonte dos Padres, em Narandiba.

“O sistema beneficiará diretamente mais de sete mil pessoas com a coleta e o tratamento adequado dos esgotos”, explica a diretora geral Maria das Graças Reis. “Haverá, ainda, a diminuição das doenças de veiculação hídrica e da contaminação do rio Catu perto dos bairros atendidos, bem como a redução de esgotos a céu aberto”, completa.

Têm-se, por fim, também a expectativa da geração de empregos diretos e indiretos.

Além do atendimento presencial no Posto de Atendimento (Rua Moreira Rego,9977, Centro), há o WhatsApp e o Call Center. Pelo aplicativo, basta enviar uma mensagem (75) 981804500; o retorno sempre é instantâneo. Pelo Call Center, é só ligar gratuitamente para 0800 702 7065.

 

ASCOM – Serviço Autônomo de Água e Esgoto – SAAE Alagoinhas

Deixe uma resposta