Itapetinga: Adab proíbe município de confinar jumentos; caso ocorre após maus-tratos

Publicidade 2

A cidade de Itapetinga, no Médio Sudoeste baiano, não poderá mais confinar jumentos. A medida foi tomada nesta quarta-feira (31) pela Adab [Agência de Defesa Agropecuária da Bahia]. Na segunda-feira (29), a guarda municipal de Itororó, município vizinho a Itapetinga, flagrou nove jumentos mortos em uma estrada de chão. Os animais seriam levados para abate no Frigorífico Sudoeste, em Itapetinga. A partir de agora, os jumentos devem ser levados diretamente para o abate, como informou ao Correio o diretor de defesa animal da Adab, Rui Leal.

O caso dos jegues mortos foi registrado pela Polícia Civil após denúncias de populares. Um caminhão que levava os animais para o frigorífico parou na estrada e deixou os jegues mortos. Ainda segundo a reportagem, além dos jumentos mortos, o caminhão estava com mais 53 bichos, todos sem comida ou água. Além disso, o carro que levava os bichos estava sem a Guia de Trânsito Animal (GTA). A Polícia informou que o motorista será indiciado por maus-tratos aos animais.

Em Itapetinga, o Frigorífico Sudoeste presta serviço de abate para a empresa chinesa Cuifeng Lee desde agosto. A estimativa é que mais de 4 mil animais tenham sido abatidos desde então. O frigorífico ficou fechado há um ano e foi reaberto apenas para abater jumentos. A Adab diz que o estabelecimento é legal.

Bahia Notícias

Deixe uma resposta