Temporada de cruzeiros marítimos trará mais de 240 mil turistas à Bahia

Publicidade 2
A temporada de cruzeiros marítimos, que contribui para o aumento de turistas no verão baiano, começa no dia 19 de novembro, com a chegada do navio MSC Fantasia ao porto de Salvador. Até abril de 2019, é esperado o desembarque de 241.358 turistas nos portos da capital e de Ilhéus, o que representa um acréscimo médio de 7,5% em relação à temporada anterior, segundo a Companhia das Docas do Estado (Codeba). 
Para Salvador estão previstas 48 escalas de navio e o desembarque de 162.187 passageiros. Já o porto de Ilhéus receberá 20 escalas e 79.171 passageiros. O maior navio a atracar no porto da capital é o MCS Seaview, com capacidade para 5.210 passageiros; as escalas começam no início de dezembro e seguem até meados de fevereiro.
A chegada de navios de cruzeiro aquece a atividade turística da Bahia com a circulação de visitantes do Brasil e do exterior. Na passagem por Salvador, os turistas costumam circular principalmente pelo Pelourinho, Mercado Modelo e Igreja do Bonfim. O secretário estadual do Turismo, José Alves, destaca que esse movimento aquece a economia com bons resultados para segmentos como o de restaurantes, artesanato, aluguel e frete de veículos. 
A temporada será precedida pela chegada do navio Aidaaura em Salvador, já no dia 22 de outubro, com capacidade para 1.266 passageiros. O MSC Fantasia, que abre oficialmente a temporada em novembro, virá de Santa Cruz do Tenerife, na Espanha, trazendo até 3.952 passageiros a bordo. A chegada ao porto da capital está prevista para as 13h. Às 21h do mesmo dia, a embarcação segue para Ilhéus.
A circulação dos navios de cruzeiro pelo litoral baiano termina no dia 21 de abril com a chegada do Sirena, proveniente de Cabo Frio (RJ) e com capacidade de 684 passageiros. Nove horas depois de aportar, ele segue para Maceió (AL).
A Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa), vinculada à Secretaria do Turismo do Estado (Setur), prepara receptivo especial para os visitantes que desembarcam em Salvador, com baianas tipicamente trajadas e execução de músicas da Bahia.

Deixe uma resposta