Cotistas com menos de 60 anos têm 10 dias para sacar PIS/Pasep

Publicidade 2

 

Foto : Divulgação

Faltam apenas 10 dias para que os cotistas do PIS/Pasep com menos de 60 anos deixem de ter acesso imediato ao dinheiro do Fundo. Até esta quarta-feira, dia 19, cerca de 5,7 milhões de pessoas ainda não se dirigiram às agências da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil para buscar o benefício.

Conforme determina a Lei 13.677/2018, a partir do dia 29/09/18 os saques voltarão a ser permitidos somente para os cotistas que atendam a um dos critérios habituais: pessoas com 60 anos ou mais, aposentados, herdeiros de cotistas, pessoas em situação de invalidez ou acometidos por doenças específicas.

Cerca de R$ 17 bilhões já foram pagos aos trabalhadores que atuaram entre 1971 e 1988, na iniciativa privada (com carteira assinada) ou no serviço público, desde o início do processo de flexibilização dos saques do Fundo PIS/Pasep (outubro de 2017) até agora. Do público potencial de 28,5 milhões de pessoas que havia em 2017, mais de 15,5 milhões de trabalhadores já receberam os recursos, ou seja, 55% do total.

Pessoas com menos de 60 anos representavam, em outubro de 2017, a maior parte dos cotistas do Fundo PIS/Pasep, somando 16,3 milhões de trabalhadores. Atenta à janela temporal de flexibilização, boa parte desse público já recebeu o dinheiro. Até domingo passado, 16/09, aproximadamente 2/3 do total havia resgatado o dinheiro, porém, 1/3 do público (5,7 milhões de pessoas) ainda pode ir às agências da Caixa (cotistas do PIS) ou do Banco do Brasil (cotistas do Pasep) para fazer o saque. Mas isso só será possível até o dia 28/09.

Crédito automático

Dos R$ 17 bilhões já pagos aos cotistas, cerca de 8,5 R$ bilhões foram entregues aos trabalhadores por meio de depósito automático em suas contas correntes, ou seja, sem a necessidade das pessoas terem de ir às agências bancárias. Isso foi possível devido aos créditos feitos pelo Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal aos seus correntistas e a uma parceria viabilizada pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão envolvendo a Febraban, a Caixa, o Banco do Brasil e outros oito bancos: Bradesco, Itaú, Santander, Bancoob, Sicredi, Banestes, BRB e Mercantil.

É importante ressaltar que, devido a questões de segurança e a divergências cadastrais, cerca de 5 milhões de cotistas com CPFs válidos não receberão os depósitos automáticos. Por isso, vale mais uma vez o alerta: cotistas com menos de 60 anos, interessados em ter acesso imediato ao dinheiro, não devem deixar para última hora. Procurem as agências da Caixa e do Banco do Brasil até 28/09/2018.

Deixe uma resposta