Estudantes de Catu protagonizam Festival de Talentos

Publicidade 2
Foto: Divulgação

A sexta-feira foi marcada por muita música, dança, poesia, e apresentações teatrais e de coral, além de exibição de audiovisuais, no Colégio Estadual Maria Isabel de Melo Góes, localizado no município de Catu (89 km de Salvador), que realizou o Festival de Talentos do CEMIMG.

A atividade marcou a etapa escolar dos projetos de arte e cultura desenvolvidos pela Secretaria da Educação do Estado, para dinamizar o ambiente escolar e promover o protagonismo estudantil. O festival também marcou as comemorações pelos 69 anos da unidade de ensino.

A comunidade escolar lotou o pátio do colégio, que recebeu uma decoração especial. No palco, os estudantes se revezaram nas apresentações dos projetos Tempos de Arte Literária (TAL), Festival Anual da Canção Estudantil (FACE), Dança Estudantil (DANCE), Canto Coral (ENCANTE), Festival Estudantil de Teatro (FESTE) e Produções Visuais Estudantis (PROVE).  

Eduardo Santos Queiroz, 16, estudante do 2º ano do Ensino Médio, participou ativamente. “Os projetos artísticos me ajudam a ter um desempenho melhor em sala da aula. Já não sinto mais vergonha”, afirmou. Representando a Educação de Jovens e Adultos (EJA), Dirceu Oliveira dos Santos, 58, recitou o poema ‘Lamento da Natureza’ e falou sobre esta vivência. “A arte tem me ajudado muito a crescer como poeta e como cidadão. Fico motivado a frequentar as aulas à noite”, afirmou.

As criações estudantis apresentadas foram selecionadas durante o ano e permearam todo o caminho pedagógico com projetos multidisciplinares, como pontuou a diretora da unidade escolar, Cleópatra Guarani. “Os alunos podem ir além do que mostram em sala de aula. Os projetos artísticos trabalham habilidades como oralidade e relacionamento com o público”, acrescentou. 

Deixe uma resposta