Avião decola sem autorização e cai em ilha nos EUA

Publicidade 2

Um funcionário da empresa Horizon Air, de 29 anos, ‘roubou’, como reporta a imprensa internacional, uma aeronave – um Bombardier Q400, do Aeroporto Internacional de Seattle-Tacoma nesta sexta-feira à noite. O avião, depois de ser perseguido por dois F-15 da Força Aérea norte-americana, caiu no estreito de Puget, perto de Seattle.

De acordo com o Seattle Times, ao que tudo indica, a única vítima é um homem que fez o avião, com capacidade para 76 passageiros, decolar sem autorização.

As autoridades americanas acreditam que “não se trata de um incidente terrorista”, já que o piloto era mecânico de uma companhia aérea.

Para justificar a queda da aeronave, as autoridades afirmam que o mecânico não tinha conhecimentos suficientes para pilotar o avião. O CEO da Horizon Air, Gary Beck, afirmou que ainda era muito cedo para se pronunciar, já que a “companhia aérea ainda estava investigando as informações”.

Os voos com partida ou destino do Aeroporto Internacional de Seattle-Tacoma foram temporariamente suspensos, mas as operações normais foram retomadas por volta das 21h30 locais.

As imagens da perseguição do avião foram captadas e partilhadas por usuários das redes sociais.

Marcio Ramos.

Jornalista DRT:5202/BA

Conselheiro ABI- Associação Brasileira de Imprensa.

Delegado Regional Alagoinhas/BA ANI- Assoc.Nacional e Internacional Imprensa.

Deixe uma resposta