SAAE 53 anos: O segredo da energia inesgotável

Publicidade 2

Olhos atentos e mãos firmes. Os passos vão certeiros, apressados, como se o próprio funcionamento da autarquia dependesse da velocidade daqueles pés que já circulam por ali há mais de duas décadas. Quem trabalha ou passa pela sede do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), no Largo da Independência, no Centro de Alagoinhas, não consegue ser indiferente a presença de Carmélia Almeida de Andrade, uma servente de 72 anos, com fama de possuir uma energia inesgotável.

Onde quer que ela esteja, está sempre em busca de uma ocupação: “eu sempre fui uma pessoa disposta. Aqui eu limpo a área, varro a área, limpo a cozinha, varro, faço café e distribuo para os amigos”, diz com a voz altiva, num sorriso constante e toda orgulhosa do seu trabalho.

Dona Carmélia também pode ser definida como a personificação da felicidade. Ela passa o dia num contentamento tão grande que seu entusiasmo se tornou inspiração para os colegas, sobretudo os mais jovens. É alegria genuína de quem fez do SAAE o seu segundo lar, descobriu o prazer em servir o outro e transformou os colegas de trabalho em membros da família. Quando questionada sobre o que gosta de fazer na autarquia, responde de bate pronto: “oxe, minha filha! A minha felicidade é viver trabalhando, com meus colegas. Eu fico mais feliz aqui do que em casa. Em casa eu fico triste, sozinha, só vejo televisão mesmo e vou dormir. Aqui eu tô o dia todo trabalhando e quando vejo o dia já passou”.

Natural de Itabuna, antes de vir para Alagoinhas, Dona Carmélia morou em Camaçari, Região Metropolitana de Salvador, onde passou por diversas empresas do Pólo Petroquímico. Já em Alagoinhas, lembra que, ainda jovem, trabalhou na extinta Churrascaria Boiadeiro. E em todas as empresas desenvolveu sempre a mesma função de servente. “Eu gosto de trabalhar limpando. Eu tenho prazer”. Mas foi no SAAE que ela verdadeiramente se sentiu em casa e concluiu seu ciclo na criação dos filhos: “Hoje eu tenho 5 filhos e 12 netos. Fui mãe e pai dos meus filhos e tudo que tenho foi conquistado com o meu próprio trabalho. Como é que eu não vou gostar de trabalhar, né?”.

Para o aniversário de 53 anos do SAAE, faz pedidos coletivos. Diz que quer que a autarquia prospere muito e que todos os funcionários vivam em paz, fazendo gozo do seu trabalho. “Quero todo mundo alegre e trabalhando”. O segredo dessa energia e alegria sem fim? Dona Carmelia resume bem, certa de que não haverá nenhuma outra resposta possível: feijão, arroz e Ômega 3.

ASCOM
Serviço Autônomo de Água e Esgoto – SAAE Alagoinhas

Deixe uma resposta