Esplanada: Greve completa 45 dias e manifestantes prometem novo ato nesta terça

Publicidade 2

Professores da rede municipal e servidores da prefeitura de Esplanada, no agreste baiano, completam nesta segunda-feira (23) 49 dias de paralisação. Nesta terça-feira (24), os grevistas prometem um ato maior do que o da última quinta-feira (19), quando fecharam um trecho da BR-101. A manifestação será na frente da prefeitura, com início previsto para 8h30. “Vai ser uma manifestação bem maior.

Teremos o apoio de outras centrais sindicais”, disse ao BN a docente Edilânia Ferraz, que integra o colegiado do Sindserme [Sindicato dos Servidores Municipais de Esplanada]. Para encerrar a greve, o sindicato pede reajuste de 6,81% nos salários dos professores e a efetivação do plano de cargos e salários para os demais servidores.

Segundo Edilânia Ferraz, o plano de cargos foi aprovado em 2016, quando o então prefeito Francisco da Cruz, o Franco de Aldemir (PRB). “Esse plano foi aprovado por unanimidade por todos os vereadores, o que inclui o voto do atual prefeito que era vereador”, declarou Ferraz.

Ainda conforme a professora, em torno de 468 professores trabalham na rede municipal, sendo que 85 são vinculados à APLB, que segundo a docente, não está integrada à greve. Já o número de servidores vinculados ao sindicato é de quase 1 mil. A docente disse também que até o momento nenhuma contraproposta foi apresentada pelo prefeito.

Por Francis Juliano

Deixe uma resposta