Número de contas rejeitadas pelo TCM baiano é maior dos últimos 27 anos

Publicidade 2
Foto: Reprodução

O número de contas de prefeitos rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) referentes a 2016 é o maior dos últimos 27 anos. O levantamento foi feito pela coluna “Satélite”, do jornal Correio*.

Segundo a publicação, dos 382 casos julgados pela Corte até agora, 207 foram reprovados devido a irregularidades cometidas pelos prefeitos, enquanto 166 tiveram parecer pela aprovação. 

Ainda faltam ser apreciadas 35 contas. Desde 1990, quando há dados disponíveis no site do TCM, nunca um exercício financeiro havia superado as 200 rejeições.

Um dos principais motivos que levam à rejeição estão os casos em que os gastos superam as receitas, o descumprimento do limite de despesa com pessoal.

Fonte: BNews

Deixe uma resposta