Prefeitura de Esplanada promove corte nos salários de servidores que aderiram a greve em Esplanada, afirma Sindicato

Publicidade 2

Prefeitura abre processo seletivo para preenchimento de 27 vagas em Esplanada

O sindicato dos servidores públicos municipais de Esplanada informou na tarde desta quarta-feira (27), que a prefeitura promoveu uma série de cortes nos salários de servidores que aderiram a greve no início de junho. O pagamento dos servidores começou a ser depositado no início da tarde. 

Segundo a entidade sindical o corte nos vencimentos dos funcionários foi realizado sem uma ordem judicial. O Sindserme reforçou ainda que a greve que completou 23 dias nesta quarta-feira, foi considerada legal pela justiça.

Segundo informações de servidores, os chefes dos setores da prefeitura foram os responsáveis pela identificação daqueles que aderiram ao movimento grevista e informaram ao setor de recursos humanos.
Ao tomar conhecimento dos cortes, o sindicato realizou uma convocação imediata dos funcionários que tiveram seus salários cortados para comparecerem a sede da entidade munidos dos últimos contracheques. A iniciativa é uma recomendação da FESPUMED BAHIA – Federação dos Servidores Públicos Municipais do Estado da Bahia.

Outra atitude do Sindserme foi convocar os servidores para uma assembléia geral na manhã desta quinta-feira (28) as 08h da manhã, que provavelmente terá como pauta principal, os cortes nos salários e as próximas ações da entidade mediante a omissão de acordo por parte da gestão. 

Por outro lado, a prefeitura até o momento não prestou nenhum esclarecimento oficial sobre os cortes e nem comenta sobre a greve em andamento. 

Fonte: Esplanada News

Deixe uma resposta