Prefeito participa da solenidade de transição de comando do 4º Batalhão de Polícia Militar de Alagoinhas

Publicidade 2
Troca de Comando 4º BATALHÂO Fotos: Roberto Fonseca

Na manhã desta terça-feira (26) o prefeito Joaquim Neto e autoridades municipais compareceram ao 4º Batalhão da Polícia Militar de Alagoinhas para solenidade de transição de comando da unidade. Durante 4 anos o Tenente Coronel Jarbas Carvalho esteve à frente do comando e, nesta manhã, deixou o cargo para assumir o comando do Batalhão de Polícia Rodoviária. Em tempo, o Tenente Coronel Reginaldo Moraes é o novo comandante do 4º Batalhão, em Alagoinhas.

Despedindo-se da cidade após receber título de cidadão alagoinhense, o Tenente Coronel Jarbas se orgulha do trabalho de aproximação feito com a comunidade. “Fico feliz pelo que realizamos, consegui fortalecer o público interno e aproximar o comando da sociedade, porque é necessário estabelecer uma relação de confiança entre polícia e comunidade, essa relação fortalece a cidadania”, disse. Durante o tempo em que comandou a unidade, recebeu três vezes premiação pela redução dos índices de homicídios na região, segundo dados oficiais da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

Com a mudança o prefeito Joaquim Neto aponta alguns desafios que devem ser superados, como a segurança da população e redução dos índices de criminalidade. “Espero que o Tenente Coronel aprecie a melhor água do Brasil, que é a nossa e, claro, que consiga reduzir a violência na região. O ex-comandante Jarbas realizou um excelente trabalho pelo PROERD, conscientizando os jovens sobre o uso de álcool e drogas, além do belíssimo trabalho no São João 2018, certamente fechou sua passagem por aqui com chave de ouro”, elogiou o prefeito.

O novo comandante chega com a responsabilidade de dar continuidade em trabalho desenvolvido e, com compromisso de realizar novas ações, “sou uma pessoa sempre disponível e com disposição para trabalhar. Iremos cumprir nosso dever de atuar ostensivamente, preventivamente e se necessário de forma punitiva também”, afirma o Tenente Coronel Reginaldo Moraes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe uma resposta