Santanna, o Cantador encanta o público no segundo dia do São João de Alagoinhas

Publicidade 2

Em noite de muita inspiração, o show do cantor e compositor, Santana  coroou  o segundo dia de festa do São João de Alagoinhas. Mesmo com a chuvinha fina que caía na madrugada deste sábado, o público presente, fiel e animado cantou e dançou ao som de sucessos que já fazem parte da história do forró.

Considerado um dos principais nomes do cenário musical do país, o artista encantou moradores e turistas, muitos deles atraídos pela apresentação do artista que também é poeta, e se tornou cantor profissional em 1992. Natural de Juazeiro, Santanna, o Cantador, descende de família de artistas e teve, na sua infância, a influência do aboio do vaqueiro nordestino, do canto das lavadeiras, do canto das rezadeiras e, finalmente, do canto dos cantadores violeiros e emboladores.

Um dos maiores símbolos da cultura nordestina, quando perguntado sobre a preservação das nossas raízes, exaltou o conceito de nação: “Nós somos uma nação, e no que tange à realidade não é matéria, é abstrato, está tudo dentro da gente, onde a gente vai, a gente leva. Nação é tudo que lhe toca e eu me sinto honrado de poder representar esta nãção. Todo grande país conserva a sua nação e o Nordeste não pode ser diferente. O nordestino é muito aguerrido, é muito família e desta maneira a gente pode fazer com que essa cultura seja cada vez mais proeminente”, disse o cantador.

O cantor e compositor fez a alegria do público ao cantar músicas de sua autoria e também canções de Dominguinhos, Petrúcio Amorim e Luiz Gonzaga e de outros forrozeiros consagrados Um belo show para encerrar com chave de ouro a programação do segundo dia de festa.

Deixe uma resposta