Em domingo de Copa, Ouvidoria nos Bairros se consolida e atende mais de 600 pessoas, no Novo Horizonte

Publicidade 2

Os moradores do Conjunto Iapseb, no bairro de Novo Horizonte se prepararam para a estreia da seleção brasileira na Copa do Mundo de uma maneira diferente dos outros. Neste domingo (17) foi realizado o projeto Ouvidoria nos Bairros, mesmo com os jogos do mundial acontecendo o público fez questão de comparecer e acessar os serviços disponíveis, foram 623 atendimentos realizados. “Toda essa gente aqui só confirma a credibilidade do governo Joaquim Neto e do sucesso do nosso projeto de ouvidoria”, diz David Ribeiro, ouvidor geral do município.

A população contou com atendimentos de diversos setores da administração municipal, como SAAE, SECIN, SEMAS, SEMAD, PROJU, SESAU e SESEP, assim como parcerias com CETASS, Faculdade Santo Antônio, curso de inglês Washington, Projeto Uma Nova História, Laboratório Quality, Óticas OTB, SENAC, CONCRETA Cursos e Instituto Mix.

Moradores da região tiveram acesso a consultas com clínico geral, dentista, oftalmologista, exames laboratoriais, vacinas, distribuição de preservativos, confecção de cartão do SUS, cadastro no Programa Bolsa Família, PETI e atendimento na unidade de saúde móvel, além de corte de cabelo, procedimentos estéticos, aula inaugural de inglês e massagem. “Eu achei uma ótima iniciativa porque conseguimos ter acesso a serviços que às vezes são difíceis de conseguir e agora a gente tem tudo aqui. Isso é uma maravilha! Estamos sendo bem atendidos por ótimos profissionais, estamos aqui só na sombra e água fresca”, comenta Joselita Souza, que procurou atendimento oftalmológico, dentista e clínico geral.

Premiado pelo Projeto Ouvidoria nos Bairros, David Ribeiro se emociona com a forte participação da comunidade. “Eu fico bastante emocionado em ver que o povo acredita tanto nosso trabalho e tem participado sempre. Essa é a marca da consolidação da Ouvidoria nos Bairros que é uma iniciativa importante e que também conseguiu criar uma identificação forte com a comunidade”, afirma.

Deixe uma resposta