Pojuca – Prefeito cobra da Caixa e da Atrium uma solução urgente para o MCMV

Publicidade 2

O prefeito do município, Carlos Eduardo Bastos Leite, convidou para uma reunião na tarde desta segunda-feira (07), representantes da Caixa Econômica Federal, da empresa Atrium (construtora do MCMV), o secretário municipal de desenvolvimento urbano e meio ambiente, a secretária de assistência social e representantes dos moradores dos empreendimentos Nova Esperança e Novo Caminho para discutirem a situação dos condôminos.

A reunião aconteceu no gabinete do prefeito, que cobrou da Atrium uma solução imediata para os problemas enfrentados pelos moradores diariamente e disse não aceitar mais que a situação continue como está, pois a população, que paga, sofre muito com alagamentos, ruas esburacadas e demais deficiências estruturais dos condomínios.

Para o prefeito, cada parte precisa assumir a sua responsabilidade e encontrar meios para mitigar os sofrimentos das famílias. “É inaceitável que a cada chuva a população do, Minha Casa Minha Vida tenha que sofrer com alagamentos, vocês precisam dar uma solução imediata para isso!” cobrou o prefeito.

Mais dois condomínios estão em fase de finalização no MCMV e segundo o gestor municipal se não tiver condições plenas de moradia, não vai permitir a entrega dos imóveis. “Eu não vou entregar as casas dos próximos empreendimentos com esses problemas. Não vou receber da Átrium com problemas! Enfatizou.

A atual gestão entende que, embora não seja de responsabilidade do município a execução dos serviços, é crucial uma postura firme e fiscalizadora por parte da prefeitura. E é isso que vai acontecer até que tudo seja regularizado, de acordo com o prefeito. “Eu não aceito mais outra coisa que não seja o melhor para os condôminos!” Finalizou “Duda Leite”.

Para Gilcimara Lacerda, representante dos moradores dos empreendimentos, a reunião foi muito positiva, e mostrou a preocupação do prefeito na busca de uma solução para os problemas. ”Eu gostei da postura do prefeito por ele ter se posicionado e dado prioridade ao caso das enchentes causadas pelas chuvas. Ele chamou logo a ‘Caixa a Atrium’ e os responsáveis pelas casas para tentar resolver, dá uma solução…” Disse Gilcimara.

Gilcimara afirmou ainda que o que importa é procurar uma solução e não procurar culpados. Para ela os sonhos de tantos moradores acabaram se transformando em um verdadeiro pesadelo e que por isso parabeniza a postura do prefeito. “Eu parabenizo a ele (prefeito) sim, independente de qualquer coisa ele tem feito a parte dele”. Destacou.

Deixe uma resposta