Em parceria com a Desenbahia, Prefeitura oferece nova oportunidade de financiamento para empreendedores locais

Publicidade 2

A Prefeitura de Alagoinhas, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Meio Ambiente (SEDEA), gerou uma nova oportunidade de financiamento que atende a empresários de pequenos, médios e grandes negócios na região.

Com o intuito de facilitar o processo de análise e melhorar o acesso às linhas de crédito, o Secretário de Desenvolvimento, José Edésio Cardoso, foi a Salvador, onde se reuniu com o presidente Francisco Miranda, da Desenbahia, para discutir taxas e desburocratizar a expansão de negócios no município.

O acordo se reverteu em ação concreta para a cidade: a partir de agora, Alagoinhas recebe, semanalmente, a visita de João Pedro Cardoso, da Agência de Fomento do Estado da Bahia. O gerente de Desenvolvimento do Sertão está na SEDEA sempre às quintas-feiras, quando visita empreendedores locais e orienta a equipe técnica para o encaminhamento de documentos necessários para as operações de crédito.

“A importância da iniciativa está em fomentar emprego, fomentar desenvolvimento socioeconômico e melhorar a capacidade de autoestima do cidadão de Alagoinhas. Fazer com que haja um aquecimento econômico. O dinheiro roda na mulher do acarajé, no cabeleireiro, no barbeiro, na mulher que faz a unha. Ele roda na mulher da cocada e no homem do tabuleiro da banana. Enquanto se gasta, o dinheiro corre pela mão de todo mundo e corre também, nesse processo, para a mão do grande empreendedor, porque o indivíduo vai tirar uma geladeira, uma grande televisão, vai financiar uma casa e começa a crescer por aí. Então esse é o principal papel: dar qualidade de vida socioeconômica à população de Alagoinhas”, destacou o secretário responsável pela pasta, José Edésio Cardoso.

O gerente da Desenbahia, João Pedro Cardoso, afirmou que a agência libera capital de giro até R$ 150 mil com aval para empresas que tenham pelo menos 2 anos de funcionamento e que projetos podem atingir o teto de até R$ 30 mi, dependendo do estudo e da alçada do empreendimento. “A Desenbahia oferece acesso a recursos diferenciados no prazo, com atendimentos e condições econômicas do formato da necessidade da empresa”, pontuou o representante da Agência de Fomento do Estado.

Para a liberação do financiamento, a empresa deve realizar um cadastro e preencher uma carta-consulta, que dará encaminhamento ao estudo de viabilidade para a análise do crédito. Apenas empresas e pessoas físicas que sejam produtores rurais podem se candidatar à pré-análise da Desenbahia.

 


Sobre a Desenbahia

É uma Agência de Fomento do Estado da Bahia que tem como objetivo oferecer soluções técnicas e financeiras para fomentar a economia e melhorar a qualidade de vida da população.

A Desenbahia oferece linhas de créditos para produtores rurais ou empresários de pequenos, médios e grandes negócios que busquem como objetos financiáveis capital de giro, investimento fixo ou inovação.

A agência trabalha com taxas atrativas, atendimento personalizado através de gerente de atendimento e decisão local, com um valor limite de até R$ 30 milhões por grupo econômico, a depender da capacidade de pagamento da empresa.

O processo cadastral da agência envolve preenchimento de carta-consulta e de ficha para pessoa física (em caso de produtores rurais) ou jurídica (para empresas). A aprovação depende de um estudo de viabilidade executado pela própria agência.

Em Alagoinhas, a consulta e o cadastro podem ser efetuados na sede da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente (SEDEA), que fica na Rua Soror Joana Angélica, acima do prédio da Lâmpada.

Com Secom

Deixe uma resposta