Bandidos explodem caixas eletrônicos e queimam carros em Simões Filho

Publicidade 2
Mauro Akin Nassor/CORREIO

Uma agência do Banco do Brasil foi atacada por criminosos durante a madrugada desta terça-feira (1º), em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador. O fato aconteceu por volta de 2h40. Segundo testemunhas, antes, os bandidos fizeram barreiras para bloquear o acesso à agência, que fica numa área industrial da Estrada Cia/Aeroporto, ateando fogo em quatro veículos. Pelo menos 10 bandidos participaram do crime.

Às 9h, uma equipe do Batalhão de Operações Policiais Especiais da Polícia Militar chegou ao local e encontrou ao menos três explosivos não detonados que foram deixados pelos bandidos dentro da instituição bancária. Os artefatos foram detonados pelos policiais na manhã de hoje. 

Três carros e um caminhão foram incendiados durante a ação dos bandidos. Os automóveis foram completamente destruídos pelo fogo. Um outro veículo foi alvejado pelo grupo de criminosos. Entre os carros queimados estão um carro modelo VW Fox e uma caminhonete, de modelo não identificado. 

Pessoas ligadas à investigação relataram que PMs chegaram a trocar tiros com os bandidos antes da explosão. A área onde a agência fica é um espaço predominantemente industrial. A PM, contudo, em nota, afirmou que não houve confronto.

De acordo com a Polícia Militar, militares da 22ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Simões Filho) foram acionados pela central telefônica para averiguar uma denúncia de explosão numa agência bancária.

“Testemunhas contaram que havia dois carros em frente ao banco, porém não conseguiram visualizar as placas e que ouviram disparos de arma de fogo. Quando chegou ao local, a guarnição isolou a área e acionou o Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc) para realização de perícia. Ninguém foi preso”, afirmou a PM, em nota. 

Destruição
O gerente da agência, José Asdrubal Luz Rodrigues, registrou o caso na 22ª Delegacia (Simões Filho). Ele relatou que foram colocados explosivos na entrada, no lado que dá acesso ao fundo dos caixas eletrônicos e no lado direito interno – onde fica localizada a tesouraria e o cofre da agência. No depoimento, o gerente informou que foram causados danos nas portas, teto, paredes, janelas e também nas câmeras do cofre do banco. 

Contudo, mesmo com a explosão, segundo a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), nenhuma quantia em dinheiro foi levada do banco. 

De acordo com Polícia Civil, um dos autores foi visto usando um macacão vermelho – as imagens do circuito de segurança do banco registraram a ação.

Equipes do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), da Coordenação de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil, e da Polícia Militar também foram deslocados ao local depois do ataque. O caso será investigado pelo Draco.

Na Estrada Cia/Aeroporto, os bandidos espalharam ‘miguelitos’ – estrutura metálica utilizada para furar pneus. O comerciante Ilderson Cruz dos Santos, 27 anos, que estava fazendo uma entrega de bananas na região, precisou parar depois que teve o pneu lascado. “O miguelito saiu rasgando foi tudo. Vou ter um prejuízo de uns R$ 600 e vou ficar mais de duas horas na estrada”, afirmou.

Fonte: Correio 24h

Deixe uma resposta