Acontece na Câmara

Publicidade 2

Foi aprovado na sessão ordinária que aconteceu na última terça-feira (17), na Câmara Municipal de Alagoinhas, o projeto de emenda à Lei Orgânica nº 001/2018, que altera o §4º do artigo nº 36 da Lei Orgânica do Município de Alagoinhas e dá outras providências. Na ocasião, também foi lido um projeto de lei de autoria do vereador João Henrique que considera de utilidade pública a Associação de reciclagem de tecidos e resíduos de Alagoinhas – ARTREAL, com sede e foro no município.

 
O presidente da Associação dos Trabalhadores da Comunidade do Campo de Buracica (ASTRACAMBA) usou o espaço da tribuna popular para tratar da empregabilidade no município: “Nós estamos pedindo aqui em documento que 70% dos trabalhadores sejam da cidade de Alagoinhas. Nada contra os demais companheiros das outras cidades, mas que venham dar essa oportunidade aos filhos da terra”, citando entre outras empresas a Heineken que, segundo o mesmo, trouxe 50 pessoas de São Paulo para prestar serviços. O Sr. Robson Davi, presidente da Associação dos trabalhadores em defesa da empregabilidade de Alagoinhas (ATDEA), complementando a fala do presidente da ASTRACAMBA, pontuou: “O que nos traz hoje nessa casa aqui é a irresponsabilidade do poder público com os trabalhadores dessa cidade”.
 
Após a fala dos representantes das entidades, os parlamentares demonstraram nos seus discursos apoio à causa dos trabalhadores. O vereador Jorge da Farinha salientou: “Eu acho que nós, todos os vereadores, temos que dar apoio a vocês porque vocês são o coração da cidade de Alagoinhas, ganham dinheiro aqui, vão gastar e investir em Alagoinhas…De hoje em diante estarei do lado de vocês, defendendo, se for pra gente estar na porta da empresa vou estar.”
 
O vereador João Henrique Paolilo falou sobre os problemas enfrentados pelos servidores públicos municipais em relação ao uso do cartão Vale Express, e ao relembrar de um convite realizado pela direção da Heineken aos vereadores no ano passado para apresentação da marca, pontuou: “Ela não pode esquecer que nós, representantes do povo nesta Casa Legislativa, também somos defensores dos trabalhadores e trabalhadoras de Alagoinhas”.
 
A próxima sessão ordinária será realizada na quinta-feira (19), às 15h, e transformada em Audiência Pública para discussão do tema: “Telefonia Móvel no município de Alagoinhas. Qualidade do serviço e dificuldades enfrentadas principalmente pelos moradores da zona rural”.
 
Ascom – Câmara Municipal de Alagoinhas
Foto – Kekeu Barreto

Deixe uma resposta