Lula pode ter mandado de prisão expedido em dia de agenda em Salvador

Publicidade 2
Foto: Divulgação

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região marcou quatro audiências para os dias 14 e 21 de março. Segundo o jornal Folha de São Paulo, a ordem de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pode sair em qualquer uma dessas duas datas.

Se os embargos de declaração de Lula forem negados, o TRF-4 pode comunicar sua decisão imediatamente ao juiz Sérgio Moro, que expediria o mandado de prisão.

Se o julgamento dos embargos do ex-presidente ocorrer no dia 14, Lula corre o risco de ter o mandado de prisão expedido por Moro quando estiver em Salvador, já que justamente neste dia o petista chegará à capital baiana para participar do 13° Fórum Social Mundial.

Lula vai participar de uma “plenária pela democracia”, no Estádio de Pituaçu, no dia 15 (quinta-feira), em evento que deve atrair grande número de militantes petistas.

O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, informou que mesmo com a possibilidade do TRF-4 julgar os embargos do ex-presidente no dia 14, “a agenda [do evento] está mantida, não há nenhuma alteração”.

Na última segunda-feira (05), a Procuradoria Regional da República da 4ª Região se manifestou pelo imediato início do cumprimento da pena do ex-presidente após o julgamento dos embargos.

Fonte: bahia.ba

Deixe uma resposta