Destaque Notícias de Alagoinhas Observatório

Na contramão da crise, Alagoinhas tem saldo positivo de empregos em novembro

Os dados divulgados pelo Caged tiveram como base o mês de novembro

Alagoinhas tem saldo positivo de empregos em novembro
Alagoinhas tem saldo positivo de empregos em novembro

O saldo de empregos formais em Alagoinhas teve resultado positivo em novembro, com a criação de 108 vagas no mês, na diferença entre admissões e demissões. Já o resultado do País ficou negativo, depois de sete altas seguidas. Foram 12.292 vagas extintas em novembro. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados em novembro. Na Bahia, o resultado foi negativo, o mês de novembro teve como resultado (-1.146) posto de trabalho. Trabalhador da Cultura de Cana-de-açúcar (-1.502 postos), Trabalhador no Cultivo de Arvores Frutíferas (-636) e Trabalhador Agropecuário em Geral (-558), foram os setores que mais demitiram. 

Alagoinhas tem saldo positivo de empregos em novembro
Alagoinhas tem saldo positivo de empregos em novembro

Foi o primeiro relatório do Caged desde que a reforma trabalhista entrou em vigor, no dia 13 de novembro. O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, pediu demissão, aceita pelo presidente Michel Temer. A retração pegou de surpresa até mesmo o mercado, que apoiou a reforma trabalhista. Para novembro era esperada a abertura de 8 a 90 mil vagas de trabalho, e um saldo positivo acima de 20 mil postos no País.

O Planalto não confirmou se a saída de Nogueira do Ministério do Trabalho teve relação com a queda no saldo de empregos divulgada nesta quarta.

Estados
Treze das 27 unidades federativas tiveram variação positiva. O Rio Grande do Sul liderou o crescimento com um saldo de 8.753 empregos, seguido de Santa Catarina (4.995 vagas) e do Rio de Janeiro (3.038). No recorte geográfico, as regiões Sul e Nordeste apresentaram crescimento do nível de emprego. O Sul novamente foi o destaque, com 15.181 postos de trabalho (variação positiva de 0,21%), e o Nordeste teve abertas 3.758 vagas (+0,06%).

As demais regiões registraram saldo negativo de vagas: Sudeste, com -16.421 postos (-0,08%); Centro Oeste, com -14.412 postos (-0,45%); e Norte, com -398 postos (-0,02%).

Redação

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *