Governo Joaquim Neto encerra 2017 com avanços na educação

Publicidade 2

No primeiro ano de gestão à frente da Prefeitura Municipal de Alagoinhas, o Prefeito Joaquim Neto enfrentou desafios de diversas proporções em diferentes áreas, mas as ações que desenvolveu junto a Fabrício Faro e sua equipe colocaram a Educação como prioridade cotidiana.

Os investimentos no setor criaram um novo cenário educacional nas Unidades Escolares e trouxeram avanços positivos tanto para a infraestrutura quanto para a qualidade do ensino-aprendizagem na região.

Em janeiro, a Secretaria Municipal da Educação (SEDUC), através da Diretoria de Ensino e Apoio Pedagógico, realizou o Diagnóstico em Rede a fim de se apropriar das potencialidades e fragilidades educacionais das Unidades Escolares para nortear o plano de ação e as metas a serem alcançadas.

Segundo representantes da Secretaria, as formações continuadas, o planejamento nucleado a cada unidade didática, a reforma na infraestrutura e as ordens de serviço, com foco na construção de novas Unidades Escolares, vão possibilitar a melhoria da aprendizagem e o reflexo positivo das iniciativas deverá se concretizar nas próximas avaliações, como a Prova Brasil, que mensura o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

A gestão deste ano forneceu suporte para que a Educação em todos os níveis de ensino. A Secretaria deu apoio para que a Educação de Jovens e Adultos (EJA) colocasse em prática o plano de ação com estratégias teórico-metodológicas, visando à aprendizagem significativa através de oficinas e da interação entre as Unidades Escolares. Além disso, atuou junto às visitas realizadas para a Mostra de Experiências e às palestras ministradas quanto à temática da Saúde e da Segurança.

E as ações continuaram: em maio deste ano, a SEDUC firmou um convênio com a Associação Atlética e entregou kits com mochilas e uniformes a cerca de 120 alunos contemplados pelo Programa Integração AABB Comunidade, que oferece atividades esportivas e culturais para estudantes no contraturno.

E mais: Em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, a SEDUC viabilizou a doação de 120 cadeiras universitárias ao Centro de Apoio Psicossocial CAPS III, localizado no Parque Floresta e, em junho, forneceu recursos para a construção da Quadra Poliesportiva do Barreiro, na Rua do Avião.

Ainda em maio, duas representantes da SEDUC participaram de uma Formação na Procuradoria Regional do Trabalho – 5ª Região (Salvador/Ba) – para a inserção das iniciativas de Erradicação do Trabalho Infantil e de Exploração do Adolescente pelo Trabalho, implantando o Projeto MPT na Escola. A implantação do projeto aconteceu em parceria com a Secretaria de Assistência Social (SEMAS), os Conselhos, o Estatuto da Criança e do Adolescente, a Pastoral do Menor e a Ouvidoria, culminando, este ano, com a Criação do Comitê Intersetorial de Erradicação do Trabalho infantil.

As parcerias também foram importantes: no primeiro semestre, o Secretário de Educação Fabrício Faro firmou acordo com a empresa BSC COPENER e o Instituto Chapada de Educação e Pesquisa (ICEP), que trouxe a proposta de formação continuada para gestores escolares, coordenadores pedagógicos e equipe técnica da SEDUC.

Em 2018, o intuito é ampliar a formação de professores da Educação Infantil e dos anos iniciais para elaborar intervenções pedagógicas que permitam aos alunos avançar na aprendizagem. Em outubro, a Secretaria já realizou um diagnóstico com mais de 7 mil estudantes do 1º ao 5º ano e pretende melhorar o índice de desenvolvimento dessas crianças em sala de aula durante o próximo ano.

Para facilitar a prática docente quanto ao ensino de Geometria, Fabrício Faro articulou parcerias com a UNEB – CAMPUS II, proporcionando formação a professores do 4º e 5º ano e, para alunos do 5º e do 9º ano, Faro ofereceu o APROVA Alagoinhas que é um projeto específico com objetivo de familiarizar e motivar estudantes e professores com relação às competências e conteúdos exigidos.

A SEDUC promoveu também um curso de Formação de Gestor Escolar da Rede Municipal de Ensino que contou com mais de 200 inscritos e, em agosto, realizou, com apoio do MEC, o II Círculo do Pacto pela Educação na Idade Certa, que teve como objetivo implementar melhorias no processo de aprendizagem que abrange a Alfabetização e o Letramento dos estudantes do 1º ao 3º Ano.

As ações efetivas de benefício à educação de qualidade atingem o ápice em dezembro de 2017, com a assinatura da Ordem de Serviço para a construção da Escola Érico Veríssimo, na Capoeira.

Em seu discurso, Araci Alves de Jesus resumiu o sentimento da Comunidade. “Tem cinco anos que a gente está aqui esperando. E agora foi muito ligeiro, muito rápido. A gente não esperava de jeito nenhum que isso fosse acontecer, sabe? A gente pensava que ia começar tudo de novo: a espera. Principalmente com um prefeito que está chegando agora, né? A gente não esperava. A gente lutava, sempre ia lá pedir, mas nas nossas reuniões, a gente falava ‘vai ser mais um ano empurrando com a barriga e nossa escola não vai sair’, entendeu? Então, eu estou feliz, realizada. Foram 27 anos de glória, graças a Deus. Por intermédio dele, do nosso prefeito, né? E de Fabrício, que é um amor”, ressaltou a professora que dedicou quase três décadas ao ensino em salas de aula.

Mais de 238 mil reais serão investidos pela Prefeitura na construção da nova escola, que vai contar com 2 salas de aula, cozinha, área de lazer e sanitários. De acordo com o Secretário de Educação Fabrício Faro, a nova Unidade vai beneficiar cerca de 100 estudantes. “Acredito que, para começar o mês de dezembro, para a Educação, foi extremamente importante esta Ordem de Serviço”, pontuou.

Segundo o Prefeito, os alunos e professores da Capoeira podem esperar uma nova escola já no primeiro semestre de 2018. “Minha primeira obra foi uma quadra de esportes na Baixa da Candeia. Com onze meses de trabalho, já estamos assinando o documento para a primeira obra de construção da Educação. Eu quero apagar as velinhas da inauguração dessa escola em Capoeira, no meu aniversário, dia 29 de abril”, afirmou Joaquim Neto.

Além desta Unidade, estão previstas inaugurações de 5 novas creches para o próximo ano, no município.

Mais incentivos para 2018

Na última semana, a Câmara de vereadores aprovou a Lei de Abono de 50% sobre o salário base com a utilização de recursos oriundos dos 60% do FUNDEB destinados ao pagamento dos profissionais de Educação, evidenciando a preocupação da gestão pública municipal para a valorização dos profissionais de ensino.

Para completar a série de incentivos e fortalecer os espaços conquistados, a SEDUC realizou, no início de dezembro, a III Conferência Municipal de Educação e reuniu mais de 600 pessoas com o intuito de discutir os desafios referentes à consolidação do Sistema Nacional de Educação em Alagoinhas.

A Conferência, que foi a maior já realizada no município e contou com a presença de representantes das escolas municipais e das secretarias, marca um fechamento de ciclo com encaminhamentos e projetos estratégicos para continuar avançando no próximo ano. “Estaremos rumo a um futuro em que as nossas crianças possam ter as mesmas oportunidades que os grandes homens e mulheres desse país”, garantiu o Secretário de Educação Fabrício Faro.

Deixe uma resposta