WhatsApp deixará de funcionar em diversos celulares
Brasil Destaque

WhatsApp fica fora do ar no mundo todo

WhatsApp sofre instabilidade e fica fora do ar no Brasil
WhatsApp sofre instabilidade e fica fora do ar no Brasil

O popular aplicativo de mensagens registrou muitas queixas em diversas regiões do mundo. A falha na conexão do aplicativo começou por volta das 15h50, no horário da Bahia. Cerca de meia hora depois, a conexão do serviço começou a se estabilizar.

No site Down Detector, em que usuários podem indicar falhas em serviços, o WhatsApp teve um grande pico em queixas nesta tarde, nas proximidades da 16h. No mapa da página, as queixas principais eram oriundas de Brasil e América do Sul como um todo, mas foram registradas queixas na Europa e EUA, entre outras partes do mundo, indicando uma falha global.

A “queda” acontece tanto no iOS quanto no Android. A falha também acontece independente se a conexão é wifi ou 3G. A assessoria do WhatsApp informou que está analisando a questão. “Usuários do WhatsApp no mundo estão sem acesso ao serviço. Nos desculpamos pela inconveniência e estamos trabalhando para resolver a questão o mais rápido possível”, diz a empresa.

Concorrentes
* Telegram – Muito similar ao WhatsApp, com recursos extras. Não realiza ligações. Trata-se do aplicativo mais comentado como grande alternativa ao Zap. Totalmente gratuito e sem as chatas propagandas que muitos programas trazem, o Telegram substitui muito bem o popular aplicativo de mensagens, oferecendo bons recursos para conversas com texto e imagens.

Com uma interface muito parecida com o WhatsApp, o Telegram oferece vários recursos que não foram incorporados pelo concorrente famoso. Entre eles, o aplicativo  permite bate-papo em grupo para até  mil pessoas, com adicionais de segurança e privacidade dos usuários, ou seja, existe a possibilidade de ficar online apenas para os amigos escolhidos.

* Viber – O aplicativo permite a troca de mensagens e realização de chamadas.

* Hangouts – O programa  do Google também serve para envio de mensagens. Possibilita criação de conversas em grupos e videoconferências.

* Skype – O aplicativo da Microsoft é um dos mais populares. Possibilita a troca de mensagens individuais e em grupo por texto ou vídeo. 

* Kakao – O usuário pode trocar mensagens de texto, imagens, notas em áudio, compartilhar eventos e contatos. 

* ChatON – Aplicativo da Samsung com  recursos para tradução automática e compartilhamento de diversos tipos de arquivo.

* LINE – Tem como diferencial o uso de simpáticos stickers.

* Kik Messenger – Focado apenas nas conversas via texto.  É possível fazer conversas em grupos.

* WeChat  – Permite trocar texto, imagens, contatos, locais e vídeos.

* Groupme – Focado nas conversas de grupo, sendo que as mensagens podem ser trocadas via internet ou por SMS.

O vídeo abaixo, do Tecmundo, explica as vantagens do Telegram diante do WhatsApp:

Bloqueio
No ano passado, a Justiça do Rio determinou que o aplicativo fosse bloqueado em todo o Brasil. As empresas de telefonia foram notificadas após o Facebook se recusar a cumprir uma decisão judicial para fornecer informações para uma investigação policial.

A decisão é da juíza de fiscalização da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro Daniela Barbosa Assunção de Souza. A magistrada é a mesma que, no ano passado, foi agredida por detentos no batalhão prisional da PM de Benfica.

“A ordem judicial não foi cumprida, apesar de reiterada por três vezes, ensejando, assim, a adoção das medidas coercitivas determinadas por este juízo”, diz Souza na decisão.

Foi  a quarta vez que o aplicativo foi  bloqueado no país. Em dezembro de 2015, uma decisão da Justiça de São Paulo fez com que o aplicativo ficasse 12 horas fora do ar. A decisão de impedir a conexão dos usuários com o aplicativo por 48 horas ocorreu após o WhatsApp se recusar a colaborar com investigação criminal.

Em maio de 2015, uma decisão expedida pelo juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto, em Sergipe, deixou o aplicativo deve ficar fora do ar em todo o país por 72 horas.  

Por Correio da Bahia

Ultimas Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *