Notícias de Alagoinhas

Saúde do Homem: CRAS Praça do CEU promove palestra sobre câncer de próstata

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS), por meio do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) da Praça do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), promoveu ontem (22) uma palestra sobre Câncer de Próstata com foco na conscientização e na prevenção.

Quem ministrou a atividade foi o bacharelando do 10º semestre de Enfermagem da UNIRB, Danilo Santos, que destacou a importância de manter hábitos saudáveis de vida para a prevenção não apenas do câncer de próstata, mas de outras doenças. Segundo ele, as estatísticas apontam que a cura, nesses casos, é bem maior quando o diagnóstico é feito precocemente. “Na maioria dos casos, há uma chance de mais de 80% de cura para os casos em que a doença é detectada no início”, explicou.

No Brasil, entretanto, o câncer de próstata mata um homem a cada meia hora e é a doença mais comum entre homens que já passaram dos 50 anos. De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia, um dos principais fatores de risco é a hereditariedade, e homens negros têm chance até 60% maior de desenvolver a doença.

“Com relação ao câncer de próstata, o que a gente destaca é a questão do conhecimento, porque muitas pessoas ouvem falar sobre o Novembro Azul, sabem que é relacionado à saúde do homem, ao câncer de próstata, mas muitos homens ainda não têm um bom esclarecimento sobre a doença, sobre os seus malefícios, a importância de estar buscando o médico”, enfatizou Danilo Santos.

Para Edielson Bispo dos Santos, morador da região e membro da Associação Comunitária Novo Horizonte, que esteve na palestra para ouvir as indicações do profissional de saúde, falar sobre o assunto é importante. “Infelizmente, eu comentei aqui no decorrer da palestra que o homem não tem esse hábito de estar indo ao médico, e que eu acredito que deva existir uma divulgação de uma forma mais ampla, por redes sociais, que é hoje uma coisa que se usa muito, para informar sobre esse risco. Porque se o jovem não souber o risco, ele não vai ter interesse, e vai se tornar um adulto que não vai estar preocupado nem com a própria saúde”, comentou, e destacou, “meu pai teve problemas de próstata, então desde os meus 35 anos que eu venho procurando sempre estar informado e tentando passar para os meus filhos e para os meus netos que eles também tenham esse cuidado”.

A ação de novembro inaugurou o primeiro “Café & Prosa” realizado pelo CRAS da Praça do CEU, que deve realizar outras atividades, uma vez por mês, junto à comunidade. Segundo Fabiana Bittencourt, coordenadora do CRAS Praça do CEU, novas ações já estão programadas para o próximo ano. “A gente vai priorizar datas importantes de cada mês”, informou.

Ultimas Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *