Destaque Política Últimas notícias

Acontece na Câmara – Vereador Anderson Baqueiro solicitou que a Central de Abastecimento passe a ser uma autarquia

ACONTECE NA CÂMARA

Durante a sessão ordinária que aconteceu na última terça-feira (14), foram submetidas à apreciação dos parlamentares as seguintes proposições: Projeto de lei que institui o mecanismo de controle do patrimônio público do município de Alagoinhas, de autoria do vereador Pastor Lins, Veto parcial à redação final do projeto de lei 060/17, de autoria do Poder Executivo, e o projeto de lei que altera a lei nº 2554/16 que autoriza a concessão de subvenções sociais e auxílio às entidades que menciona para o exercício de 2017 e dá outras providências, de autoria Poder Executivo.

Entre as indicações para que sejam encaminhadas ao Poder Executivo Municipal, fizeram parte da pauta: solicitação de recapeamento, sinalização das vias, instalações de placas e faixas de pedestres, e pintura dos redutores visando à segurança, locomoção e bem estar dos moradores da rua Dr.João Dantas, e ações visando à melhoria da qualidade de vida dos moradores da localidade Nova República tais como: implantação do sistema de esgotamento sanitário, saneamento básico, pavimentação asfáltica e banho de luz, ambas são de autoria do vereador Caio Ramos.

O vereador Anderson Baqueiro solicitou, através de uma indicação, que a Central de Abastecimento passe a ser uma instituição com administração e orçamento próprio.

De autoria do vereador Ozeas Menezes, foram lidas também as indicações solicitando ao Poder Executivo: reforma e ampliação da Biblioteca Comunitária do Conjunto Alagoinhas IV, assim como doação do terreno em anexo à biblioteca para a referida ampliação, instalação de cobertura na área externa de acesso à policlínica para evitar que pacientes, acompanhantes e funcionários fiquem expostos ao tempo enquanto aguardam a abertura da clínica, e instalação da rede de drenagem e pavimentação asfáltica (localidade Parque Santo Antônio – Teresópolis).

Foi aprovado o projeto de lei de autoria do Poder Executivo que dispõe sobre a doação do terreno de propriedade do município de Alagoinhas à Associação do Parque Comunitário São Bernardo para construção da sede própria.

Durante o pronunciamento dos parlamentares, o vereador João Henrique Paolilo pontuou: “Algumas sessões atrás eu trouxe um problema aqui de nossa cidade que estava me inquietando bastante. Nós passávamos ali por aquela rua que dá acesso da Cavada à Alagoinhas IV e ali se iniciava há alguns dias a correr um esgoto a céu aberto. Me pronunciei nesta casa, pedi atenção dos órgãos da prefeitura que tem a competência para resolver esse problema mas, ao longo dos dias, nada foi feito para sanar um problema grave como esse. E hoje pela manhã, já que antecedia a nossa sessão ordinária, me dirigi aquela localidade para fotografar para os senhores e para a senhora vereadora, o descaso da administração do Prefeito Joaquim Neto com a Cavada”.

O vereador Luciano Almeida desejou boas vindas a Felipe Argolo, vereador do município de Entre Rios que estava presente no plenário da Câmara, e falou dos avanços do governo municipal de Alagoinhas: “Não tem como se questionar, a administração tem mostrado sinais positivos”, na sequência citou ações realizadas nas áreas de educação, saúde, social, entre outras.

O vereador Luciano Sérgio, sobre os questionamentos acerca dos recursos destinados à Gincana Cultural que ganhou destaque nas redes sociais na última semana, ressaltou: “Sempre ajudei a Gincana de Bigú, porque eu sei o que é a gincana, há dez anos ajudo e sempre coloquei emenda nesses últimos dois anos, 20 mil reais para que tivesse atividade. Porque a Gincana não é uma festa de dois dias não, sempre falei isso aqui. A Gincana tem uma série de distribuição de cesta básica, leite, doação de sangue, atendimento médico, tem dezenas de atividades o ano todo”.

A próxima sessão ordinária será realizada no dia 16 de novembro, no horário regimental, às 15h.

Ascom – Câmara Municipal de Alagoinhas

Ultimas Notícias