AL-BA: Governo não consegue quórum para votar renegociação de dívidas

Publicidade 2
Foto: Sandra Travassos/ AL-BA

A bancada de governo não conseguiu dar quórum nesta terça-feira (26) para votar na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) o projeto que autoriza o Executivo a renegociar dívidas com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com amparo na Lei Complementar Federal nº 156, de 28 de dezembro de 2016.

A oposição havia pedido vista da matéria na última semana. Durante a sessão, houve confusão entre as bancadas após o deputado oposicionista Targino Machado (PPS) acusar alguém de marcar a presença do governista Marquinho Viana (PSB), ausente do plenário.

Em seguida, o parlamentar sugeriu ao presidente da Casa, Ângelo Coronel (PSD), que implantasse um sistema de biometria para resolver discussões semelhantes. “A presença do deputado Marquinho não será contabilizada”, informou Coronel.

Ao final da sessão, o presidente da AL-BA prometeu cortar o ponto dos ausentes.

Bahia.ba

Deixe uma resposta