Diretor da ADAB recebe presidente do Sincar-BA

Publicidade 2
Na manhã dessa segunda-feira (25), o diretor-geral da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB), Paulo Cezar, recebeu o presidente do Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados do Estado da Bahia (Sincar-BA), Júlio César. Na pauta, as renovações de parcerias entre as duas instituições. O Sincar, assim como outros órgãos, é fundamental para a garantia de uma agropecuária cada vez mais forte.Entre as parcerias existentes, está a cessão de veículos pelo Sincar para a ADAB. Em maio de 2017 essa cessão foi renovada entre os órgãos. “Hoje tive a felicidade de receber esse grande parceiro da ADAB. O Sincar integra os nossos programas de defesa e educação agropecuários. Esse primeiro contato serve para que possamos colocar a agência à disposição do Sincar, e reiterar a importância desse sindicato com a agropecuária baiana. Temos essa renovação de contrato, que prevê a cessão de quatro veículos, que serão utilizados nas fiscalizações de trânsito de produtos de origem animal e nas operações para implantação e consolidação dos polos regionais de abate”, ressaltou Paulo Cezar.

Os veículos serão utilizados para o desenvolvimento das atividades fiscalizatórias e êxito dos programas que possibilitam a expansão de matadouros frigoríficos na Bahia, que são referência no Brasil. “É de nosso total interesse a manutenção desses acordos. Vamos permanecer com essa parceria que beneficia produtores, técnicos, fiscalização. Enfim, toda a cadeia produtiva. Hoje mesmo (25), teremos uma reunião com os sindicalizados e vou apresentar essas demandas. Acredito que em breve podemos entregar esses equipamentos. Vou levar essa recepção e mensagem positiva que tivemos junto ao novo diretor-geral”, disse o presidente do Sincar, Júlio César.

No termo ainda consta a cessão de microcomputadores, impressoras e materiais administrativos. Também participaram da reunião os diretores Administrativo, Bruno Alves, de Defesa Sanitária Animal, Rui Leal, Inspeção de Produtos de Origem Agropecuária, Willadesmon Santos e técnicos da ADAB.

Ascom ADAB

Deixe uma resposta