Unidade Regional de Alagoinhas promove café da manhã com prefeitos da região para tratar de concessão do serviço

Publicidade 2
Foto: Ivonilton Luiz.

A Unidade Regional da Embasa em Alagoinhas promoveu na última sexta-feira (25) um encontro com prefeitos dos municípios que são atendidos pela unidade para dialogar sobre a concessão na prestação do serviço à essas localidades e poder também mostrar de que forma a Embasa pode ajudar na elaboração do Plano Municipal do Saneamento Básico conforme Lei 11.445/2007.

Iniciativa que partiu da Gerência da Unidade e demais técnicos que formaram uma equipe multidisciplinar, enxergaram uma oportunidade na realização do encontro uma vez que os dados de concessões vencidas em todo o estado preocupa a estrutura financeira, administrativa e operacional da empresa. São 193 concessões vencidas (segundo balanço publicado em abril/17). Para Felipe Madureira, afirma que “precisamos construir um estreitamento com os gestores municipais e neste sentido, possibilitar aos presentes a compreensão de que saneamento se faz entre em especial com a participação do município. Permitir que conheçam o nosso serviço e contar com nossa ajuda para elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico é são ações estruturante para um serviço de qualidade prestado à população”, conclui.

O Secretario de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cassio Peixoto, o Presidente da Embasa, Rógerio Cedraz acompanhado do Diretor do Interior, Ubiratan Gonzaga e o Superintendente Raimundo Neto, estiverem presente no evento e tiveram oportunidade de expor o que o Governo do Estado, através da Embasa, estão fazendo em prol do Saneamento Básico na Bahia.

Segundo o Secretario Cássio Peixoto o governo tem investido mais de 600 milhões no saneamento e com isso mais recursos devem ser disponibilizados até o final do ano. O Presidente Rogério Cedraz reafirmou o compromisso com os munícipes pela continuidade e melhoria no atendimento às demandas e estimulou que outras unidades regionais possam abarcar esse modelo de evento de aproximação e dialogo com os prefeitos.

A prefeita de Araçás, Maria das Graças, mandou o recado de que está ansiosa para ter a Embasa na gestão do Saneamento naquela cidade. Ela frisou que população vem sofrendo com a falta de infraestrutura para abastecimento.

O Deputado Estadual Joseildo Ramos também esteve presente e tem colocado seu mandato em defesa da unidade da Embasa no município onde já fez parte da gestão do SAAE com destaque para a elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico em 2001, criou uma lei que também protege o SAAE de uma possível privatização, porém teria que passar por uma opinião publica através de plebiscito dentre outras frentes na área de meio ambiente. Para Joseildo é um erro estratégico tirar a unidade que está na cidade há 42 anos. Em última visita do Governador Rui Costa na cidade, o deputado intercedeu que tivéssemos oportunidade em entregar um dossiê contendo abaixo assinado, moção de repúdio, estudo de viabilidade que evidencia a manutenção da unidade regional no município entre outros ao governador e no encontro, deixamos claro que trata-se de uma movimentação desnecessária que causará um desequilíbrio caso a proposta de extinção siga em frente.

Não muito diferente da opinião do Deputado Joseildo, o prefeito e anfitrião do evento na cidade, Joaquim Neto, disse que a cidade tem apenas 13% de saneamento básico e que manter a unidade da Embasa na cidade é tão importante quanto ter o SAAE que hoje detém a concessão do sistema local. Já o Prefeito de Rio Real, Carroça (como gosta de ser chamado e conhecido dessa forma), ao questionar o presidente da Embasa sobre os estudos que tramitam para validar ou não a extinção da unidade, foi mais longe. Não satisfeito com a resposta de Rogério Cedraz, colheu assinaturas dos prefeitos presentes e falou que levaria o oficio ao governador. Entre os presentes há a condicionante de que alguns ainda não assinaram a renovação por conta desse impasse sobre o destino da unidade.

A direção do Sindicato estava no evento prestigiando de forma a considera que a Embasa tem esse real papel para facilitar as renovações dos contratos com as prefeituras e que não sirvam de moeda de troca. Apresentar propostas e soluções para os problemas, tendem a estimular uma relação de confiança com a empresa que já atua em 366 municípios. Na apresentação de Adelia…, foi apresentado o passo – a – passo para elaboração do plano e de que forma os marcos regulatórios estão organizados. O corpo gerencial da unidade e empregados da (UNA) que organizaram o evento estão de parabéns pela realização do evento e melhor ainda ter a presença da alta gestão da empresa e secretario de estado. O primeiro passo foi dado. Restam as demais unidades regionais organizarem um calendário onde o Sindicato desde já se coloca a disposição para também fazer parte desse processo como protagonista do interesse coletivo. Esse assunto de contratualização é mais importante que qualquer outro assunto na empresa.

Assessoria de comunicação Embasa.

Deixe uma resposta